Carla Vilhena relembra saída do Fantástico e entrega motivo: “Estava um lixo, um horror”

Jornalista fez um balanço de sua carreira

Publicado em 19/09/2021 19:09
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A jornalista Carla Vilhena, atualmente na CNN Brasil, relembrou sua carreira na TV Globo e sua passagem pelo Fantástico. Ela contou que deixou o programa dominical logo após ser anunciada e o motivo foi uma falha de comunicação. A declaração foi dada ao canal de entrevistas Inteligência Ltda.

“Houve uma dança das cadeiras, muita coisa mudou e eu fiquei no Fantástico. Depois de um tempo que eu estava lá, mais ou menos um ano, eles viraram pra mim e falaram: ‘A gente vai confirmar você no Fantástico’. Eu falei: ‘Tudo bem’. Só que no meu contrato tinha escrito que eu iria entrar com um salário X e depois de um ano eu teria uma janela de renegociação”, relembrou a jornalista.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Quando eu passei para o Fantástico, tinha coisas que eu queria renegociar. Não só a questão salarial, não era isso o mais importante, era uma janela de renegociação geral. Eu queria me mudar para o Rio. Eu morava em São Paulo, fazia o SPTV, e o Fantástico era no Rio. Eu ia e voltava, ficava indo e voltando o tempo todo. Minha vida pessoal estava um lixo, um horror, não ia dar certo”, seguiu.

“O que eu queria renegociar? Eu queria ir para o Rio. Minha família é do Rio, tinha também esse motivo. Eu sei que daí decidiram me tirar do Fantástico, acharam que eu tinha colocado alguma condição para aceitar”, contou Carla Vilhena.

Foi uma situação muito complicada, pois as mudanças já tinham sido anunciadas e eu cheguei e falei que queria ver minha vida, como ia ficar. Então eu saí do Fantástico e fiquei uns dois anos na reportagem”, detalhou.

“Em um dia eu estava apresentando o Fantástico, principal programa da televisão brasileira, e no dia seguinte eu estava fazendo uma reportagem sobre uma rebelião de presos em uma cadeia na grande São Paulo”, declarou.

“Eu entrei na cadeia para o Bom Dia São Paulo, estava aquela correria, polícia correndo pra todo lado, e de repente o delegado passa correndo, freia, olha pra minha cara e pergunta: ‘O que você está fazendo aqui?’. Ele deve ter pensado: ‘A minha delegacia de bairro, o que está havendo? Por que o Fantástico está aqui?’”, finalizou a comunicadora. 

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio