Discussão quase faz Lola perder a linha e bater no filho

Publicado há um ano
Por João Paulo Reis
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Uma briga entre Carlos (Danilo Mesquita) e Alfredo (Nicolas Prattes) deixou Lola (Gloria Pires) atordoada em Éramos Seis. A doceira acabou descobrindo desta forma que o filho só perdeu o emprego porque passou a roubar o seu patrão. Envergonhado, ele fala a Clotilde (Simone Spoladore), que queria morrer para deixar de dar preocupações à mãe.

Lola tenta conversar com Alfredo, e fazê-lo comer ovos mexidos que ela preparou. Ele ressabiado pergunta se a mãe acreditou no que Carlos contou sobre ela, e ela responde positivamente deixando-o irritado. “Eu errei, está bem. Eu queria melhorar, tirar a senhora daquele fogão, comprar roupas bonitas… Ganhar mais, mais que o Carlos”, confessa.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Eu sempre fui pobre e nem por isso fiquei com uma agulha que não fosse minha, Alfredo, isso não! Ah, meu Deus e ainda brigam assim. Dizem que toda família tem briga. Mas eu podia passar sem isso de hoje. Será que meus filhos não podem resolver os problemas em paz?”, falará a mãe que completará dizendo que Carlos apenas foi na oficina porque ela pediu.

Lola ainda diz que Carlos é um rapaz muito bom. “Eu também sou, mãe. Não vê? Nunca vê minhas qualidades! Eu errei, fiz errado, mas não sou ladrão. Me atropelo as vezes, erro. Mas bandido eu não sou. Carlos não perde oportunidade de ser o maioral, não é amigo, é um dedo duro desgraçado”, argumenta Alfredo que começa a se exaltar quando a mãe diz que Carlos está certo.

Alfredo fala que puxou o gênio ruim do pai, mas preservando a memória de Júlio, a filha de Dona Maria (Denise Weinberg) intervém ressaltando que Júlio (Antonio Calloni) sempre foi honesto. É aí que o caldo entorna de vez. “Honesto? Honesto com quem? Com você não foi! Vai defender o seu Júlio Abílio de Lemos pra mim? Sabe qual o seu problema, mãe? Está sempre passando o pano por cima das coisas. Esses ovos mexidos, esse jeito, não aguento. No fundo sempre apoiando o Carlos, mas tapando o sol com a peneira… Paz da casa. Que paz? Quando tivemos paz? Meu pai era mentiroso e desonesto, sim, dona Lola. E te enganava, gastava na rua, tinha uma amante, esqueceu?”.

“Alfredo, para”, grita Lola, mas o filho diz que não vai parar. “Não paro. Sabe por quê? Sou ruim. Puxei a ele, puxei o seu Júlio. Ele é o diabo”. De tão ofendida, Lola quase dá um tapa na cara do filho, mas se segura. Seus olhos se enchem de lágrimas, assim com os de Alfredo que pega o chapéu e sai, deixando a mãe lá atordoada. As cenas vão ao ar no capítulo 96, que será exibido na segunda-feira, 20 de janeiro. Alterações podem ocorrer devido à edição dos capítulos.

Mais Informações, curiosidades, sinopse, personagens e o resumo diário e atualizado dos capítulos da novela Éramos Seis

Confira o resumo dos capítulos das outras novelas da TV Globo, SBT, Record TV e Band

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio