Globo continua onda de demissões e dispensa dois executivos do alto escalão

Publicado há 3 anos
Por Gabriel Vaquer
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O Grupo Globo continua em sua onda de demissões. A ideia é o que o canal já havia dito anteriormente: fazer uma completa reestruturação em seus quadros.

Porém, parece que a tal reformulação chegou “nas cabeças”, ou seja, nos executivos, que normalmente escolhem quem vai ser dispensado ou não em outras áreas, como produção e jornalismo.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja mais: Com liberação do SBT, Larissa Manoela concede entrevista ao Conversa com Bial, da Globo

Segundo informações obtidas pelo Observatório da Televisão, nesta tarde de terça-feira (28), dois executivos de alto escalão foram desligados do canal.

O primeiro foi Edson Barros, que era diretor de programação da TV Globo no Rio de Janeiro. Ele estava na emissora desde 1988 – ou seja, prestes a completar 30 anos de emissora.

O segundo foi Felipe Bittencourt, que atualmente era gerente da Globo Internacional, emissora para o público brasileiro em outros países feita pelo canal – atualmente ela está presente em 130 países.

A reportagem apurou que as demissões foram consumadas por Amauri Soares, diretor nacional de programação da Globo. Os cortes fazem parte da tal reestruturação que o Grupo Globo está fazendo.

Até o fim do ano, outros executivos, além de jornalistas, devem ser dispensados pela emissora, como parte do cumprimento do processo, que deverá se encerrar apenas em 2018.

Observatório da Televisão procurou a Central Globo de Comunicação e a emissora confirmou as dispensas na noite desta quarta-feira (29).

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio