Compre iPhone SE na Apple a partir de R$ 3.779,10 à vista ou em até 12 vezes. Frete grátis para todo o Brasil
Saiba mais
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Exclusivo

Tiozão do BBB realiza sonho ao conhecer Juliette, revela ciúme da “padaria” e quer entrar no BBB 23

Aldo Couto viralizou reagindo ao Big Brother Brasil e explodiu em 2022 ao apoiar Arthur Aguiar; leia entrevista

Publicado em 04/05/2022
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Há um ano, Juliette descobriu que era um “fenômeno” ao sair do BBB 21 com R$ 1,5 milhão na conta e mais de 24 milhões de “cactos” que a transformaram em uma das celebridades mais influentes do Brasil. Um deles foi Aldo Couto, que reagiu de forma séria e sincera ao reality show em vídeos que superaram 6 milhões de acessos. Na última semana, o Tiozão do BBB, como ficou conhecido, celebrou a vitória de Arthur Aguiar e conheceu sua favorita no camarim de seu show em Vitória.

O momento do encontro foi publicado no Instagram do Tiozão, com mais de 100 mil seguidores. Juliette abraçou seu fã com carinho em firmeza, e lhe deu um puxão de orelha bem-humorado: “Você não me esquece não, torcendo pelo povo. Eu sou ciumenta!”. Ele respondeu, aos risos: “Com certeza não, o cacto continua em cima da minha banca. Eu jamais vou esquecer você!”.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Em entrevista exclusiva à coluna, Aldo Couto e seu filho (e “diretor”), Pedro Couto, relatam o desafio de chegar ao camarim da cantora em sua primeira turnê, Caminho, e contaram o que a equipe de Juliette, responsável pelo vídeo, não gravou. O Tiozão entendeu o motivo da “bronca” divertida da campeã do BBB 21.

“Cada ano vai ter um BBB novo, um novo favoritinho do Tiozão”, explica Pedro. “É, mas essa foi para o ‘Pão’, ela está com ciúme do ‘Pão’ (risos)”, brinca Aldo, referindo-se a Arthur Aguiar, seu escolhido a favorito do BBB 22. Pé quente, o Tiozão deu sorte pela terceira vez consecutiva (já que em 2020 torceu por Thelma Assis quando ainda era desconhecido).

Pedro, que viralizou o pai ao gravá-lo “escondido” reagindo ao Big Brother Brasil, assumiu a direção dos conteúdos para as redes sociais. Inicialmente, os vídeos eram publicados no perfil do jovem, que ultrapassou 30 mil fãs. Para retomar o controle de sua conta, ele criou o Instagram do Tiozão. Com o apoio da “padaria” (fã-clube de Arthur), conseguiu emplacar 4,6 milhões de acessos em apenas um vídeo comemorando o paredão falso.

“Esse ano, a produção foi muito maior. Em 100 dias, fizemos praticamente dois vídeos por dia. Terminamos ano passado com quase 34 mil seguidores no meu Instagram, mas começamos na metade do BBB e era só um vídeo por dia”, compara Pedro Couto. “O perfil do Tiozão começou do nada e ganhamos mil fãs por dia! Chegamos a 105 mil no BBB 101”, comemora Aldo, mesmo ainda não faturando como influenciador digital (ele segue trabalhando como consultor de vendas). O Tiozão admite que Arthur não era seu favorito no início do reality show.

“A menina dos meus olhos era o Rodrigo porque ele chegou querendo jogar. Falaram: ‘Ah, tá flopando’. Eu até falei nos meus vídeos: ‘Vocês tiraram o cara que queria jogar, pô!’. Eu falo a verdade mesmo! O problema é que, na minha concepção, a Juliette tinha carisma, caráter, um conjunto de fatores que implicaram na vitória dela, além do jogo que ela soube jogar honestamente. Ela não era estrategista como o Arthur. Esse ano, o [Tiago] Abravanel e os outros entraram achando que o público iria escolher uma ‘nova Juliette’, mas todo ano tem uma coisa diferente. Este ano, se não tivesse o jogador Arthur, [o BBB 22] teria sigo uma porcaria. Não estava com ele, mas comecei a observá-lo depois que o Rodrigo saiu. Cheguei a gostar da Jade, mas quando a vi lavando o banheiro eu disse: ‘Ela quer aparecer’. Daí para frente fui com o Arthur, mas não estava tão seguro, se ele bobeasse iria sair. Para mim, ele não era só o primeiro, era o segundo e o terceiro também, porque não havia outros”.

Aldo Couto, o Tiozão do BBB

“A ‘padaria’ me abraçou, o pessoal é incrível. Eu sempre levantava a moral da galera: ‘Ele vai ganhar!’. Quando eu gritei ‘eu sabia’, é porque havia muita gente com medo de o PA ganhar. Mas o movimento não era para o PA ganhar, mas que o Arthur perdesse. Os fãs tiveram medo, mas eu dei força. Em nenhum momento duvidei que ele não fosse vencer. Se eu pudesse falar com ele, diria para ele parar de dormir muito e se chatear com qualquer coisa, mas era o jeito dele”, analisa Aldo.

Aldo e Pedro passaram por perrengues para chegar a Juliette

Enquanto não têm a sonhada foto com Arthur Aguiar (libere eles, Maíra Cardi!), Aldo e Pedro comemoram o encontro suado com Juliette. Não pense que, só por ser Tiozão, o abraço foi fácil. Eles precisaram passar por uma “fortaleza” de seguranças e produtores até chegar à campeã do BBB 21.

Pai e filho já tinham falado com Juliette nas redes sociais. O vídeo deles apareceu no documentário Você Nunca Esteve Sozinha, e ela passou a seguir Pedro no Instagram. O jovem até enviou uma mensagem avisando que iria ao show, mas como não obteve resposta tentou a sorte levando um cartaz com o nome do Tiozão. Aldo quase desistiu, mas o filho foi persistente e encontrou uma das produtoras que abriu as portas à dupla famosa.

“Fui direto em uma moça que nem sabia o nome, mas achava que era da equipe da Juliette: ‘Estou aqui com o Tiozão, um fãzaço da Juliette. Ele está no documentário dela. Ela me segue, fala com ele e tem um carinho imenso com ele. Queria saber se a gente conseguiria entrar no camarim e vê-la’. Um minuto depois, ela já voltou com as pulseiras: ‘O encontro vai acontecer'”, relembra, com emoção.

Na porta do camarim, mais uma barreira, conta Pedro: “O segurança pegou o meu celular. Eu já estava pronto para entrar e gravar o grande encontro que a internet pedia. Tomei até um susto! Ela ficou surpresa. Dei um beijo no rosto dela. ‘Juliette, você nem sabe’. Ela: ‘Diga’. Ela é muito engraçada, muito espontânea. ‘Eu estou com o Tiozão na porta e não deixaram a gente entrar juntos, pegaram o meu celular’. ‘Não acredito! Manda chamar o Tiozão!’. E ele entrou”.

Aldo recorda com carinho o momento em que ficou frente a frente com Juliette: “Rapaz, quis me ajoelhar como o súdito de uma rainha, mas na mesma hora pensei melhor porque iria tomar muito tempo e tinha mais gente para entrar. Falei pouco, mas deu vontade! Valeu muito a pena! Estou muito feliz. Ela é muito gente boa, é incrível! Continua com a mesma humildade, é espontânea, não mede palavras para falar, sempre com bom humor e sem ofender. Fala as coisas que vêm do coração para alegrar as pessoas. Zerei a vida!”.

Tiozão quer entrar no BBB 23

Após participações no Encontro e aparições no próprio Big Brother Brasil, Aldo quer uma chance na próxima edição do reality show da Globo. O mais próximo que o Tiozão de 56 anos se aproximou do BBB foi uma instalação em um shopping em Vitória, onde também conheceu Lucas Bissoli, do BBB 22.

“Eu quero estar lá dentro! Quem sabe. Ou o Pedro!”, projeta Aldo. “A gente está vendo para inscrever o Tiozão. Vai que, de repente…”, sonha o filho. “Eu vou poder comentar lá dentro! ‘Otário, você está fazendo errado!'”, brinca o Tiozão. “Vai ser engraçado demais! Se não for para o confinamento, poderia pelo menos ganhar um quadro, porque os desse ano foram fracos. Tiozão com certeza traria engajamento!”, promete Pedro.

Siga o colunista no Twitter e no Instagram.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....