Globo exibe Casa dos Artistas 20 anos após acionar Justiça e proibir SBT

Reality de Silvio Santos foi lembrado por Pedro Bial durante entrevista com Supla

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Quem dormiu tarde ou passou a madrugada com a TV ligada, nesta terça-feira (23), pode ter achado que foi um sonho, mas aconteceu de verdade. Durante o Conversa com Bial, a Globo exibiu trechos da Casa dos Artistas (SBT), primeiro reality show de confinamento do Brasil e alvo de uma das “guerras” mais intensas entre emissoras, que saiu da briga por audiência e foi parar nos tribunais.

As imagens, cedidas à Globo pelo SBT, ilustraram a entrevista de Pedro Bial com Supla, vice-campeão do programa. Em uma pergunta, o jornalista relembrou o romance do cantor com a atriz Bárbara Paz, vencedora do reality, com imagens do relacionamento conflituoso entre os dois na mansão, localizada no Morumbi (bairro nobre de São Paulo) e vizinha à residência de Silvio Santos.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Até Alexandre Frota, vilão do programa e atualmente deputado federal (PSDB-SP), foi lembrado por Bial para comentar o êxito e o pioneirismo da emissora concorrente. “Você conquistou o Brasil em 2001, quando participou do megasucesso da Casa dos Artistas, o primeiro reality show que o SBT exibiu”, disse o apresentador.

Em seguida, Bial anunciou trechos do reality para Supla, que não escondeu o espanto de rever tais cenas na Globo. O acontecimento pode ser considerado histórico em função da disputa ferrenha entre a emissora e o SBT pela exibição da Casa dos Artistas.

Em 2001, Silvio Santos esteve próximo de comprar os direitos do Big Brother, porém recuou em cima da hora pelo alto valor que deveria ser pago à Endemol, dona do formato: US$ 8 milhões (aproximadamente R$ 14 milhões na época e R$ 44 milhões na coração atual). Entretanto, o dono do SBT teve acesso à “bíblia” do programa (livro com todas as regras) e decidiu produzir seu próprio reality de confinamento, sem avisar a ninguém, nem mesmo ao público.

Silvio surpreendeu os telespectadores em 28 de outubro de 2001 ao estrear a Casa dos Artistas. Mais surpresa ainda ficou a Globo, que após a recusa do SBT comprou o Big Brother da produtora holandesa. Imediatamente, a emissora processou a rival por plágio e impediu a exibição do programa. Três dias após o lançamento, o reality saiu do ar.

A rede de Silvio Santos reagiu informando, durante 15 minutos, que a Globo havia proibido a veiculação do programa: “Infelizmente não exibiremos hoje o programa Casa dos Artistas. A TV Globo, através de liminar concedida pela Justiça, impede o SBT de exibir o programa. Esperamos que a Justiça prevaleça em favor de você, telespectador, para que, em breve, possamos continuar levando até você um programa de alta qualidade como o Casa dos Artistas”.

Comunicado do SBT sobre a proibiç˜ão da Casa dos Artistas, em 2001 (Reprodução/SBT)

O programa voltou com mais sucesso e bateu o Fantástico e a principal novela da Globo, O Clone, durante alguns minutos. A final, em que Bárbara Paz faturou o prêmio de R$ 300 mil, alcançou média de 47 pontos e pico de 55, segundo dados preliminares divulgados pelo Ibope. Até hoje, é a maior audiência do SBT. A briga nos tribunais persistiu, e em 2015 o STJ (Superior Tribunal de Justiça) condenou o SBT a indenizar a Globo e a Endemol pela produção da Casa dos Artistas.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio