Hoje sim

Descoberto pela coluna, imitador Gui Amparo conhece Cleber Machado ao vivo na Record

Comediante transformou meme em ganha-pão após conquistar milhões de acessos fazendo a voz do narrador

Publicado em 06/04/2023

Há quase dois anos, Gui Amparo realizou o sonho de transformar seu dom para imitação em ganha-pão. Entrevistado pela coluna após viralizar fingindo ser Cleber Machado, ele finalmente conheceu o narrador nesta quinta-feira (6), no programa Hoje em Dia, da Record.

Na atração matinal, o locutor esportivo recém-demitido pela Globo divulgou a segunda partida da final do Campeonato Paulista, entre Palmeiras e Água Santa, e recebeu a visita surpresa de Gui Amparo, que pôde mostrar seu talento pessoalmente ao homenageado mais famoso.

“Não fico bravo”, disse Cleber sobre a imitação, tranquilizando Gui Amparo: “Ai que bom!”. O narrador admitiu surpresa com o reconhecimento de um fã a ponto de se aproximar pela voz.

“Para o cara escolher alguém para tentar fazer uma imitação, o cara tem que minimamente acompanhar o trabalho. Alguns personagens são imitados por praticamente todos, mas nunca imaginei que alguém fosse me imitar, achei que eu não merecia tanto esforço”, brincou.

A primeira imitação atingiu, em 48 horas, 1,4 milhão de acessos. Atualmente, ultrapassou 3,1 mi de visualizações no TikTok, onde Gui Amparo acumula mais de 1,5 milhão de seguidores. No vídeo, ele interpreta alguém que assiste tanto às narrações de Cleber Machado que se transforma nele!

Gui Amparo atualizou o meme, com várias citações à Globo, para a nova fase de Cleber, na Record. “Você já mudou o prefixo, é um cara atualizado (risos)”, comentou o narrador. “O pessoal me pediu para atualizar o meme”, afirmou o comediante.

A primeira entrevista de Gui Amparo foi para este colunista, em outubro de 2021, quando revelou seu truque para conseguir imitações tão boas (ele já fez 100 vozes em 10 minutos).

“Meu jeito de imitar é ouvindo bastante como a pessoa fala. Às vezes, é melhor o trejeito do que a voz em si. Para imitar o Cleber Machado, comecei a pegar as nuances, o jeito, como ele narra. Depois peguei o timbre da voz. Ele tem um diferencial, mas não sei como dizer. Ele tem essa coisa de esquecer os nomes, se confundir, falar uma informação e terminar com ‘… ou não’. É o engraçado dele”, explicou.

Na mesma conversa, ele confidenciou qual seria sua reação ao conhecer o narrador: “Se chegar ao Cleber Machado, nem imagino a minha reação. Sou muito fã, acompanho há muitos anos e ficaria espantado, em choque, esperando a ficha cair, como estou agora vendo a viralização do meu vídeo”.

Em 2022, a carreira de Gui Amparo decolou. Agenciado pela Play9 (empresa de Felipe Neto), ele investe em batalhas de rimas e conversas entre personagens, de Mickey a Gil do Vigor, de Lula a Jair Bolsonaro, de Casagrande a Cleber Machado, que ganhou narrações improváveis na voz do imitador.

O tão esperado momento chegou. Parabéns, Gui!

Siga o colunista no Twitter e no Instagram.