Mais do que você gosta.
Assine o Star+
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Exclusivo

Com Champions e surra histórica na Globo, SBT reage e encurta distância para Record em maio

Rede de Silvio Santos comemora média mensal e empate técnico na vice-liderança em São Paulo

Publicado em 02/06/2022
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

A audiência histórica da final da Liga dos Campeões da Europa, no último sábado (28), salvou o SBT em maio. Segundo dados do Kantar Ibope obtidos pela coluna, a rede de Silvio Santos registrou o maior crescimento mensal na Grande São Paulo, principal referência para o mercado publicitário, e encostou na Record, ainda dona do segundo lugar no ranking das emissoras.

O SBT subiu 8% em relação a abril (3,43 pontos) e fechou maio com 3,7 pontos na média das 24 horas, ocupando a terceira colocação. A Record, em alta com o Cidade Alerta e as tramas bíblicas, ficou praticamente estável na comparação com o mês anterior (alta de 0,7%), saindo de 4,11 para 4,13 pontos.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Embora ainda frequente o incômodo terceiro lugar (resultado das constantes mudanças na grade vespertina), o SBT comemora a distância menor para a Record a ponto de resultar em empate técnico. Pelos critérios de arredondamento, ambas as emissoras registraram quatro pontos em maio.

Vítima da Champions League, a Globo caiu 0,5 ponto em relação a abril, quando registrou 12,07 pontos impulsionada pela final do BBB22. Em maio, a rede líder de audiência consolidou média de 12,01 pontos na Grande São Paulo.

A final entre Liverpool e Real Madrid, vencida pelos espanhóis e comandada em Paris por Téo José, Nadine Basttos e Mauro Beting, atingiu impressionantes 15,23 pontos na capital paulista, contra 11,03 da Globo. Domitila Becker, Benjamin Back e o estreante Fred Ring também participaram da transmissão.

No horário nobre, das 18h às 24h, o SBT também foi a emissora com o maior crescimento e cravou 6,0 pontos em maio, contra 5,6 em abril (alta de 7,3%). A Record, em contrapartida, perdeu um décimo no Ibope (7,0 pontos em abril e 6,9 em maio), sendo a emissora que mais perdeu audiência no período (1,3%). A Globo, escorada no fenômeno Pantanal, se manteve com 21,9 pontos nos dois meses.

O crescimento do SBT na faixa horária se deve, principalmente, à Copa Libertadores da América. A partida com maior audiência em São Paulo, o empate por 1 a 1 entre Boca Juniors (ARG) x Corinthians, em 17 de maio, marcou 13,53 pontos. No horário, a Record registrou 5,10 e a Globo, 23,97. Cada ponto representa 74.666 domicílios ou 205.755 indivíduos.

Siga o colunista no Twitter e no Instagram.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....