Suspense!

Bárbara morre após acidente grave em Um Lugar ao Sol?

A megera fica completamente fora de si e tenta tirar a própria vida

Publicado em 03/02/2022

Nos próximos capítulos de Um Lugar ao Sol, Bárbara (Alinne Moraes) vai passar por um momento complicado e ficará em estado grave, precisado ser operada para não acabar morrendo.

Tudo começa quando, durante uma discussão por telefone, Christian/Renato (Cauã Reymond) avisa que quer se separar da esposa, momento que deixa a moça completamente desesperada. Isso tudo porque já faz um tempo que ela estava notando que seu casamento estava acabando e tentou impedir que isso acontecesse.

Posteriormente, Nicole (Ana Baird) ainda tenta acalmar a irmã, mas, quando a dubladora vai até seu carro pegar um calmante para tentar amenizar a situação, Bárbara se joga na frente do carro de Júlia (Denise Fraga) e é atropelada. A megera sofrerá um traumatismo craniano e fica entre a vida e a morte. 

Júlia sente o automóvel colidir e, apenas quando sai do veículo, percebe o que aconteceu, ficando completamente chocada com a situação. Bêbada, ela acredita que causou o acidente e começa a se desesperar, já que pensa na possibilidade de ter matado a filha de Santiago (José de Abreu).

A mãe de Felipe (Gabriel Leone) se sente extremamente culpada e resolve ir embora do local, tudo porque não querer piorar ainda mais sua situação. Ela deixa apenas uma carta de despedida para o filho, que fica desesperado com o sumiço da mãe. Ele não faz ideia do que pode ter acontecido, mas fica com medo afinal, sabe dos sérios problemas dela com a bebida. No entanto, Nicole terá visto toda a cena e saberá que o atropelamento não foi culpa Júlia.  

As cenas estão previstas para irem ao ar no capítulo desta sexta-feira, dia 04. Um Lugar ao Sol é uma novela criada e escrita por Lícia Manzo com direção artística de Maurício Farias. A obra é escrita com Leonardo Moreira e Rodrigo Castilho, com colaboração Carla Madeira, Cecília Giannetti, Dora Castellar e Marta Goés. A direção geral é de André Câmara e direção de Vicente Barcellos, Clara Kutner, João Gomez, Pedro Freire e Maria Clara Abreu. A produção é de Andrea Kelly e a direção de gênero de José Luiz Villamarim.