Mais do que você gosta.
Assine o Star+
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Reta final

Quem realmente devia morrer em Quanto Mais Vida, Melhor?

Além dos protagonistas, alguns coadjuvantes mereciam um desfecho trágico

Publicado em 18/05/2022
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Quanto Mais Vida, Melhor! chegou na reta final e o grande mistério ganha força: quem vai morrer no último capítulo da novela? Muito além dos protagonistas, alguns coadjuvantes mereciam encontrar a Morte (A Maia).

Desde que se envolveu um grave acidente de avião, o quarteto principal ficou na mira da ceifadora. Entretanto, todos acabaram humanizados e conquistaram o público. Guilherme (Mateus Solano), a principal aposta inicial, se tornou um dos personagens mais queridos.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Neném (Vladimir Brichta) já começou com grande popularidade e também evoluiu na trama. Da mesma forma, Flávia (Valentina Herszage) sempre foi a queridinha dos telespectadores. A mais sofrida entre os quatro protagonistas.

Para se ter ideia, até a insuportável Paula (Giovanna Antonelli) ganhou torcida para não morrer. Na reta final, ela tem emocionado com o drama da filha perdida. Além disso, também melhorou muito.

Sendo assim, com a falsa morte do quarteto, quem merece partir dessa para melhor na novela das sete? Listamos alguns coadjuvantes insuportáveis para o posto.

Roni (Felipe Abib)

Roni é uma forte aposta para morrer no final da trama. O personagem está se redimindo após descobrir que Tina (Agnes Brichta) é a sua filha.

Além disso, o bandido pode ser o responsável pelo transplante de coração de Bianca (Sara Vidal). Essa é uma forte teoria para o desfecho do filho de Nedda (Elizabeth Savalla). Assim, a Morte escolheria ele em vez de um dos protagonistas.

Roni (Felipe Abib) de Quanto Mais Vida, Melhor!

Cora (Valentina Bandeira)

Cora consegue ser mais insuportável que o marido, Roni. Além de uma vilã intragável, irrita pelas caretas que faz, deixando o público com muita raiva.

A grande algoz de Flávia deve pagar pelos seus crimes no final da novela. Um deles é a morte após trair Roni e se unir a Tucão (Renato Livera).

Cora (Valentina Bandeira) em Quanto Mais Vida, Melhor! (Reprodução/TV Globo).

Odete (Luciana Paes)

A chatíssima Odete tem falha de caráter e não cansou de aprontar por toda a trama. Após chantagear Paula, ela vai ser escorraçada por Juca.

Ao que tudo indica, a megera não deve ter um final feliz. Quem sabe, então, a Morte venha buscá-la.

Odete (Luciana Paes) em Quanto Mais Vida, Melhor!

Celina (Ana Lúcia Torre)

Celina é tão insuportável que nem a própria família aguenta. A mãe de Guilherme já deu inúmeras provas que não presta e que só piora.

Sendo assim, se a vilã não terminar abandonada, pode morrer para deixar muita gente em paz. Será?

Celina (Ana Lúcia Torre) em Quanto Mais Vida, Melhor!

Rose (Bárbara Colen)

A gente até tenta, mas defender Rose tem sido cada vez mais difícil. A personagem entrou para a lista de ranços do público, ainda mais pelos discursos e palestrinhas.

Vista como chata, a modelo não faria falta no fim da trama. Sua morte abriria caminho para o envolvimento entre Paula e Neném, casal adorado pelos telespectadores.

Rose (Bárbara Colen)

Edson (Stepan Nercessian)

Esse só entrou na novela para irritar. O ex de Nedda contribuiu apenas para atazanar a vida da cabeleireira e de Osvaldo (Marcos Caruso).

Além da morte de Edson ser uma boa, ele poderia levar a chatíssima fofoqueira Tetê (Zezeh Barbosa) com ele. Um bom desfecho para o casal golpista.

Edson (Stepan Nercessian) em Quanto Mais Vida, Melhor! (Reprodução/Globo)
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....