fortes

6 cenas pesadíssimas que vão te chocar em Mulheres Apaixonadas

Novela de Manoel Carlos está sendo exibida no Vale a Pena Ver de Novo

Publicado em 11/06/2023

Mulheres Apaixonadas está apenas começando no Vale a Pena Ver de Novo. No decorrer da trama, muitas emoções acontecem com direito a cenas de tirar o fôlego.

O sucesso de 2003, escrito por Manoel Carlos, retrata pautas polêmicas em diversos âmbitos e que são necessárias serem discutidas. Violência doméstica e urbana, alcoolismo, doenças mentais, legalização das armas, maus tratos contra idosos estão entre os temas abordados na novela.

Pela complexidade desses assuntos, o autor precisou lançar mão de muito drama e fidelidade à vida real. Como resultado estão sequências que fazem o telespectador vidrar na TV. Veja a seguir as mais chocantes.

Maus tratos de Dóris com os avós

Não é uma cena só que faz todo mundo ter ódio de Dóris (Regiane Alves) e vontade de chorar. Protegida pela mãe, Irene (Martha Mellinger), a moça maltrata os avós Leopoldo (Oswaldo Louzada) e Flora (Carmen Silva) frequentemente, em toda e qualquer situação. Sem nenhuma empatia, educação, tampouco compaixão pelos idosos, ela os humilha e constrange, fazendo-os se sentir culpados e desvalorizados. Além disso, ela chega a se aproveitar do carinho que os avós ainda têm por ela, aceitando parte da aposentadoria e ainda roubando dinheiro deles.

Vale lembrar que o tema desenvolvido por Mulheres Apaixonadas incentivou a aprovação do Estatuto do Idoso.

Dóris e os avôs Leopoldo e Flora
Dóris e os avôs Leopoldo e Flora

Téo e Fernanda vítimas de balas perdidas

Téo (Tony Ramos) e Fernanda (Vanessa Gerbelli) ficam no meio do fogo cruzado de uma perseguição policial e acabam sendo vítimas de balas perdidas, um problema urbano gravíssimo, sobretudo no Rio de Janeiro. Ambos ficam gravemente feridos e Fernanda morre no hospital, deixando Salete (Bruna Marquezine) sem mãe. Téo sobrevive, apesar de ter uma difícil recuperação e precisar depois contar toda a verdade sobre Lucas e Salete para Helena (Christiane Torlone).

Após o ocorrido na trama, o elenco se reuniu em uma manifestação contra o uso de armas de fogo e a legalização das armas.

Téo (Tony Ramos), Fernanda (Vanessa Gerbelli) e Salete (Bruna Marquezine) de Mulheres Apaixonadas
Téo (Tony Ramos), Fernanda (Vanessa Gerbelli) e Salete (Bruna Marquezine) de Mulheres Apaixonadas (Reprodução – TV Globo)

Violência doméstica sofrida por Raquel

Uma das tramas mais relembradas por quem já assistiu Mulheres Apaixonadas é a violência sofrida por Raquel, papel de Helena Ranaldi, por seu ex-marido Marcos (Dan Stulbach), que consegue achá-la no Rio de Janeiro após ela ter fugido, mudado de nome e recomeçado sua vida. Para infernizá-la, o homem começa a dar aulas de tênis na escola Ribeiro Alves, chocando com cenas bem pesadas nas quais ele a violenta com uma raquete e de diversas outras maneiras, como estupro e abuso psicológico.

Quase três anos depois da novela ir ao ar retratando esse tema, a famosa e necessária Lei Maria da Penha foi criada.

Marcos (Dan Stulbach) e Raquel (Helena Ranaldi) em Mulheres Apaixonadas
Marcos (Dan Stulbach) e Raquel (Helena Ranaldi) em Mulheres Apaixonadas (Reprodução/Canal Viva)

Dóris apanhando de Carlão

Dóris leva duas grandes surras de seu pai, Carlão (Marcos Caruso), como reprimenda aos maus tratos dela para com os avós. Na primeira delas o marido de Irene perde a paciência, tranca a porta do quarto e dá cintadas na filha, fazendo-a gritar e chorar de dor. “Chora, chora porque teus avós choraram até hoje por sua causa”, diz Carlão. Mais adiante, sem mostrar qualquer arrependimento, Dóris empurra seu Leopoldo no chão durante uma briga com Carlinhos (Daniel Zettel). O pai fica indignado e vai atrás da filha em uma festa no hotel, local em que ele perde as estribeiras mais uma vez e lhe dá tapas na cara e cintadas na frente de todos.

Carlão dá surra em Dóris em Mulheres Apaixonadas
Carlão dá surra em Dóris em Mulheres Apaixonadas

Heloísa esfaqueando Sérgio e sendo internada

O ciúmes excessivo de Heloísa (Giulia Gam) vai tomar proporções gigantescas, quando ela resolve botar fogo em todas as roupas de Sérgio (Marcello Antony) e o atingir com uma faca, deixando o marido ferido. Após essas fortes cenas, Helô precisará ser internada, pois seu problema só pode ser sanado com tratamento psiquiátrico. Sua internação também geram sequências carregadas de muito drama.

Claudio Marzo, Giulia Gam, Tony Ramos e Marcello Antony em Mulheres Apaixonadas
Claudio Marzo, Giulia Gam, Tony Ramos e Marcello Antony em Mulheres Apaixonadas

Mortes de Fred e Marcos

Fred (Pedro Furtado) tem um final trágico em Mulheres Apaixonadas, deixando Raquel desolada. O jovem é espancado e sequestrado por Marcos, que o coloca em um carro. Durante o trajeto, Fred começa uma luta corporal com o homem abusivo, que por sua vez aponta uma arma para o namorado da professora. Isso faz com que o carro saia da pista e capote, marando tanto Fred quanto Marcos. Após o acidente, a mãe de Fred se reconcilia com Raquel, assumindo que seu filho a amava verdadeiramente. A educadora revela que está grávida do rapaz.

Marcos, Fred e Raquel em Mulheres Apaixonadas
Marcos, Fred e Raquel em Mulheres Apaixonadas

© 2024 Observatório da TV | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade