Compre iPhone SE na Apple a partir de R$ 3.779,10 à vista ou em até 12 vezes. Frete grátis para todo o Brasil
Saiba mais
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Vilã surtada

Escalada às pressas em O Clone, irmã de Débora Falabella virou cópia de Carminha no SBT

Cynthia Falabella viveu o seu melhor papel na TV como Aline em Corações Feridos

Publicado em 18/03/2022
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Em 2010 o SBT escalou Cynthia Falabella para o papel de Aline, a vilã surtada de Corações Feridos. A personagem traçou a mesma linha de psicopatia de Carminha (Adriana Esteves) em Avenida Brasil (2012).

Curiosamente, as duas novelas se enfrentaram por três meses, uma vez que o folhetim do SBT foi engavetada no ano de sua produção e levada ao ar apenas em 2012, quando a trama de João Emanuel Carneiro explodiu no país. Com isso, as duas irmãs ficaram no ar simultaneamente.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

No caso de Cynthia, embora a extensa carreira no cinema e também no teatro, ela ainda não era um grande nome da TV. Seu maior destaque até então foi em O Clone, trabalho que a fez ficar muito atribuída como irmã de Débora Falabella antes de conquistar o público como uma vilã no SBT.

A substituição em O Clone

Mel (Débora Falabella) comete crimes em O Clone

A semelhança entre as duas era tanta que em 2001 ela entrou em O Clone, folhetim de Gloria Perez em reprise no Vale a Pena Ver de Novo, para interpretar a mesma personagem da irmã, Mel em alguns capítulos.

A substituição ocorreu porque Débora contraiu meningite, doença infecciosa responsável por inflamar as membranas que revestem o cérebro e a medula espinhal.

Diante do quadro preocupante da atriz, a recomendação médica foi de que ela se afastasse do trabalho por 15 dias.

Desse modo, a autora e os diretores-gerais Jayme Monjardim e Marcos Schechtman precisaram pensar em uma estratégia para manter as cenas de Mel em dia, uma vez que a personagem tem muito destaque na trama.

Personagem usuária de drogas favoreceu

Cynthia Falabella e Débora Falabella em O Clone (Divulgação)

Aproveitando que Mel é usuária de drogas na novela, os responsáveis incluíram no roteiro a internação dela em uma clínica de reabilitação.

No decorrer da história, a atuação de Cynthia foi chamando cada vez mais a atenção e ela chegou a fazer cenas decisivas para o desfecho de Mel, como a sequência em que ela descobre estar esperando um filho de Xande (Marcello Novaes).

Na volta de Débora Falabella aos trabalhos, Cynthia acabou ganhando o papel de Monique, a filha de Lobato (Osmar Prado), que apareceu na reta final da novela.

SIGA ESTE COLUNISTA NAS REDES SOCIAIS: INSTAGRAM E TWITTER

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....