“É uma cena bem forte”, revela Flávia Alessandra sobre o reencontro entre Helena e Luna

O último capítulo da trama de Daniel Ortiz será exibido no próximo dia 16 de julho

Publicado em 1/7/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Flávia Alessandra que está no ar em Salve-se Quem Puder no papel da misteriosa Helena Santamarina comemora o desfecho da personagem que finalmente terá o seu final feliz ao lado de Luna, sua filha biológica

Com certeza, a descoberta de que a Fiona é a Luna, a filha que ela acreditava estar morta. É uma cena bem forte e emocionante. Exigiu bastante de mim e da Ju (Paiva), porque precisávamos de uma concentração e de uma carga de emoção enormes. Helena acreditava que a filha estava morta há tantos anos e convivia com aquele fantasma do passado. E ela ganha uma nova chance ao descobrir que a filha está viva”, revela. A cena em questão irá ao ar a partir do próximo sábado, 03 de julho.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Helena (Flávia Alessandra) de Salve-se Quem Puder (Divulgação)

Sobre a trajetória da empresária na trama de Daniel Ortiz, Flávia é objetiva. “É a história de uma mulher presa pelo seu passado e que precisa se reconectar com sentimentos tão importantes para a vida. Adoro a trama da Helena. Ela é muito interessante e me permitiu explorar vários caminhos durante a trama”, conclui.

Questionada sobre o beijo fake entre Helena e Mário (Murilo Rosa), Flávia revela que está curiosa em ver as cenas de intimidade do casal no ar. Já que devido ao aumento de casos de Coronavírus (COVID-19) no País, a troca de carícias entre eles foram feitas de forma virtual (com uma placa de acrílico no meio). “Essa retomada trouxe muitas coisas novas para o nosso ofício. Uma delas, com certeza, foi o uso de recursos em cenas que antes eram comuns no nosso dia a dia de trabalho. Nunca tinha feito um beijo virtual antes e foi uma experiência bem inusitada. Estou curiosa para ver no ar”, relembra. 

Segredo de Helena 

Um dos grandes mistérios da mãe de Luna será revelado no penúltimo capítulo do folhetim de Daniel Ortiz que irá ao ar no próximo dia 15 de julho. O fato em questão se refere ao esconderijo que Helena usa para ‘lembrar’ de sua antiga família. 

Helena (Flávia Alessandra) de Salve-se Quem Puder (Divulgação/Globo)

Na verdade, trata-se de uma casa de repouso que a empresária criou para abrigar quem não tem família. “Era aqui que eu vinha quando precisava relaxar. O Hugo achava que eu tinha um amante, ficava furioso com os meus sumiços…Olha essas pessoas, Mário. Todos os idosos que atendemos aqui são sozinhos. Não têm família ou, se têm, ninguém vem visitar, nem os filhos. Cada um tem uma história, mas com uma coisa em comum.. A solidão. Igual a que eu senti todos esses anos sem vocês”, dirá Helena sendo acarinhada pela filha.

Flávia Alessandra nos bastidores de Salve-se Quem Puder (Divulgação/Globo)

Antes de deixar o local que leva o seu nome, Helena explicará a importância do asilo em sua vida. “Eu achava que tinha perdido uma filha, um marido. E aqui eu sentia que era o único lugar onde me entendiam. Eu venho, faço companhia pra eles e eles pra mim”, finalizará a dona do Empório Delícia.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio