Exclusivo

Após ganhar o presente mais lindo de Sandra, José Inocêncio fala demais e revela a causa da morte de coronel Firmino em Renascer

Reviravolta muda tudo na novela de Bruno Luperi

Publicado em 08/05/2024

Após VISITAR Rachid (Almir Sater) no antigo BORDEL DE JACUTINGA, José Inocêncio (Marcos Palmeira) confessará para DONA PATROA (Camila Morgado) que Belarmino (Antonio Calloni) matou Firmino (Enrique Diaz) com requinte de CRUELDADE.

“(FLASHBACK INÉDITO) Ao afundar a mão na saca Firmino sente que não se trata de cacau, mas das garrafas com ramos infectados que ele amarrou pelas roças de Belarmino, mas não se abala. E joga, sorrindo. Quando vai alcançar sua pistola, sente o cano gelado da arma de Belarmino na sua cabeça. Seu sorriso se esvai e, tremendo, Firmino vai se virando com as mãos pra cima, ainda segurando a maldita garrafa”, descreve BRUNO LUPERI que PROSSEGUE com o seu texto.

“(…) Firmino está amarrado a uma cadeira em frente de uma saca de cacau aberta, com a cabeça para o alto de tal forma que ele não consegue respirar e vai engasgando com as amêndoas que lhe obstruem as vias aéreas. Uma morte lenta e terrível. Firmino tenta levar ar aos pulmões sem sucesso. Seu pescoço pende, sem vida, e amêndoas caem de sua boca no chão”, conclui o dramaturgo em seu roteiro.

Coronel Firmino (Enrique Diaz) na primeira fase de Renascer
Coronel Firmino (Enrique Diaz) na primeira fase de Renascer

Renascer é uma novela escrita por Bruno Luperi baseada na obra de Benedito Ruy Barbosa. A direção artística é de Gustavo Fernandez, direção geral de Pedro Peregrino e direção de Alexandre Macedo, Walter Carvalho, Ricardo França e Mariana Betti. A produção é de Betina Paulon e Bruna Ferreira e a direção de gênero de José Luiz Villamarim.