Primeiro canal brasileiro de jornalismo 24 horas, GloboNews completa 25 anos

Emissora celebra a data no auge de sua popularidade e credibilidade junto ao público

Publicado em 15/10/2021 19:20
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em 15 de outubro de 1996, às 21h, o primeiro canal brasileiro de jornalismo 24 horas por dia: a GloboNews. A norte-americana CNN já operava e era conhecida dos espectadores, mesmo os de TV aberta, com imagens suas utilizadas em noticiários como o Jornal Nacional, da TV Globo. Mas era inédito no país um canal nacional com cobertura em tempo real dos principais acontecimentos do Brasil e do mundo.

“A GloboNews tem paixão por notícia. Está no nosso DNA, na nossa essência, é a nossa missão há 25 anos – uma obra de muitas gerações que sempre estiveram comprometidas com o jornalismo profissional, relevante, ao vivo, quente, com profundidade, análise, programas especiais”, afirma Miguel Athayde, diretor de jornalismo da GloboNews.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Estou no canal há 25 anos e isso significa que metade da minha vida eu passei aqui dentro. O que atualmente é normal, e o telespectador está acostumado, era uma novidade no início. Quando estreamos, não sabíamos ainda que caminho poderíamos percorrer. Tivemos confiança e muita liberdade para tentar, ousar, errar e foi exatamente isso que nos ajudou a formar profissionais diferentes, com uma assinatura absolutamente pessoal”, acredita Maria Beltrão, jornalista que está no time da GloboNews desde a inauguração.

“Era como se tivéssemos mais licença para ousar na GloboNews. Participamos diretamente da formação da linguagem, da estética, da maneira de comunicar. Tudo isso realizando experimentações, como presença de comentaristas, séries especiais, coberturas internacionais. O canal sempre teve a capacidade de se reinventar, renovar formato, casting de apresentadores e repórteres, estilo de comunicação em diferentes plataformas e se apropriar dessas ferramentas como uma extensão do trabalho jornalístico. Tivemos permissão de realizar esse movimento respeitando as nossas singularidades. Eu sabia que aquele grupo que estava colocando o canal no ar estava fazendo história. Foi um privilégio”, declara André Trigueiro, que também está no canal desde a estreia e foi o primeiro apresentador do Jornal das 10.

“É uma honra que trago comigo o fato de ter participado da estreia do primeiro canal de notícias, 24 horas no ar. Os 25 anos de GloboNews mostram a importância do jornalismo profissional na vida do brasileiro. Notícia em primeira mão, ao vivo, análises que cobrem todos os aspectos da informação. O canal se tornou essencial para formar opinião e ajudar o cidadão a fazer escolhas”, resume Renata Vasconcellos, hoje na bancada do Jornal Nacional, que apresentou com Eduardo Grillo o primeiro noticiário da emissora: uma edição do Em Cima da Hora, nome mantido até fins dos anos 2000.

“Cada vez mais o jornalismo tem uma função de ser uma espécie de curador dos fatos. Credibilidade continua sendo a moeda forte do jornalismo e a GloboNews permanecerá tendo esse compromisso de reportar os fatos, comentá-los e contextualizá-los”, afirma Trigueiro. “O jornalismo profissional é absolutamente vital neste momento histórico, diante de tanta desinformação. Fake News se combate com notícia. O cidadão precisa de informação de qualidade. E é isso que a GloboNews faz 24 horas por dia – com independência e correção”, acredita Athayde.

O TBT da TV do Observatório da TV faz um panorama dessa história e homenageia o canal, que completa 25 anos na liderança de audiência da TV por assinatura, tanto na praça de São Paulo quanto no Painel Nacional de Televisão (PNT). Confira o vídeo!

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio