Juliana é acorrentada na senzala após “desobediência”

A escrava será vítima das mentiras de Zé Leão

Publicado há um mês
Por Cadu Safner
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nos próximos capítulos de Escrava Mãe, após tentar estuprar Juliana (Gabriela Moreyra) no meio do canavial, Zé Leão (Marcello Scorel), inventa história ao Coronel Custódio de que a escrava tentou lhe matar com um facão. Ferido na barriga, ele usa deste artificio para conseguir que a mocinha seja castigada junto a Tito Pardo (Nill Marcondes), que a salvou da situação.

Homem de confiança de Custódio, o capanga consegue convencer o patrão. “Eu tive que implorar pela minha vida a esses dois“, alega ele. “Nunca pensei que pudesse fazer isso, Juliana“, rechaça o velho. A escrava, por sua vez, diz que ele está mentindo e o chama de monstro. Uma discussão entre eles se inicia e Custódio diz que Zé Leão é o feitor e deve manter a ordem da fazenda.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Juliana tenta se justificar, mas Custódio está irredutível. “Vosmicê e o Tito Pardo deverão ser castigados“, avisa ele. Juliana e Tito, então, são levados pelo próprio Zé ao celeiro e lá eles são acorrentados num enorme tronco e passam a madrugada em branco, com fome, sede, frio e sem direito de ir ao banheiro. “Eu prefiro as correntes do que suas mão sujas“, dirá ela ao ser presa.

Mais Informações, curiosidades, sinopse, personagens e o resumo diário e atualizado dos capítulos de Escrava Mãe.

Confira o resumo dos capítulos das outras novelas da TV.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais