O Rei do Gado

Juiz surpreende com veredito de Marcos no julgamento da morte de Ralf: “Condeno”

O filho de Marcos e Geraldino são absolvidos da acusação de assassinato do cafajeste

Publicado em 24/05/2023

Após ouvir todas as testemunhas, chegará o dia do juiz (Paulo Goulart) revelar o veredito sobre o julgamento da morte de Ralf (Oscar Magrini) em O Rei do Gado. Marcos (Fábio Assunção) e Geraldino (Marcelo Galdino) são suspeitos de terem matado o cafajeste.

“De acordo com as respostas aos quesitos formulados, os senhores jurados entenderam que no dia 14 de março deste ano de 1996, os acusados enterraram a vítima na Praia do Encantado”, iniciará a autoridade, causando tensão.

“Ao responder o segundo quesito, indagando se a conduta dos acusados provocou a morte da vítima, os jurados responderam não. Estando, pois, os acusados, absolvidos do crime de homicídio”, dirá o juiz, deixando Marcos animado.

“Por terem os senhores jurados respondidos sim ao terceiro quesito, condeno-os a pena de um ano de detenção pela prática do crime de vilipêndio a cadáver, previsto do artigo 212 do Código Penal”, seguirá o profissional, para o choque de todos.  

“Os acusados, por serem réus primários e de bons antecedentes, tem direito a suspeição condicional da pena, cumprindo-a em liberdade sob as condições da lei. Esse tribunal encerra os seus trabalhos”, concluirá o juiz, em meio a aplausos.