Trans brasileira que participou do Big Brother é dada como morta e desmente

Publicado há 3 anos
Por Philippe Azevedo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A trans brasileira Rebekah Shelton, de 32 anos, foi alvo de uma grande polêmica na sexta-feira (12). Ela ficou conhecida por participar do Big Brother do Reino Unido, país onde mora. No entanto, uma mensagem em seu perfil no Twitter informava que a modelo teria morrido de maneira inesperada na noite de quarta-feira (10).

O caso ganhou uma ampla repercussão e até a conta do Big Brother do país chegou a lamentar a morte de Rebekah. “Muito triste por saber que Rebekah Shelton, que participou do #BBBUK 2009 como Rodrigo Lopes, morreu aos 32 anos. Nossos pensamentos estão com os amigos e com a família”, escreveu o perfil.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

No fim da tarde de ontem, a surpresa: Rebekah postou um vídeo desmentindo a sua morte. Ela informa que estava passando férias na Arábia Saudita e que também foi pega de surpresa com a notícia.

“Eu passei o inferno hoje porque alguém usou a minha conta no Twitter para escrever algo estúpido sobre mim. Essa pessoa não pode aceitar o fato de que estou feliz, que superei todos os meus problemas e que eu estou finalmente vivendo a minha vida feliz. Estou de férias, eu tô na Arábia, eu não estou morta”, disse no vídeo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio