SBT mostra último quadro com Moacyr Franco em A Praça é Nossa e fala chama a atenção

Publicado há 3 anos
Por Gabriel Vaquer
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O SBT exibiu na noite desta quinta-feira (23) a última participação de Moacyr Franco no programa A Praça é Nossa, apresentado por Carlos Alberto de Nóbrega.

O personagem foi o tradicional Jeca Gay, que estava no programa desde 2001 e foi um grande fenômeno quando surgiu, popularizando os bordões “chique no urtímo” e “chorei largado!”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja mais: Moacyr Franco engrossa a lista dos veteranos sem espaço na TV

A exibição foi normal, com piadas de duplo sentido que incluíram jogadores de futebol, como o lateral Marcelo. Nesse momento, um diálogo chamou a atenção. Jeca pedia para que Tite retirasse Marcelo da Seleção.

Carlos Alberto disse que concordava, mas Jeca Gay pensou que era melhor não tirar Marcelo. “É melhor tirar eu e deixar o Marcelo que ele é o patrão”, disse Jeca. A fala é referência para Marcelo de Nóbrega, diretor de A Praça é Nossa.

Curiosamente, Moacyr Franco foi dispensado dias depois. O artista participava do humorístico semanalmente por seis minutos, e tinha uma grande história na emissora, onde apresentou programas nos anos 90 e chegou a ser diretor de criação em 1998, numa das épocas mais populares do SBT.

Em um vídeo no YouTube, Moacyr agradeceu o carinho e falou que ganhava 40 mil reais, salário que julgava pouco: “Desde que saiu a notícia de que fui dispensado, e é verdade, fui demitido sim, em nome da economia que a estação está fazendo em todos os setores. Estranhei um pouco porque meu salário era insignificante, mas se é pra colaborar, vamo nóis”.

Todavia, ele não criticou o canal, da qual diz nutrir carinho, e que não tem nada a reclamar: “Não tenho nada a reclamar, porque o SBT me deu muita oportunidade. Fui fazer o programa das Paródias, fizemos muito sucesso. Depois disso, teve o Ô, Coitado, e foi um sucesso imenso. Depois, trabalhei com o Golias, tive o Pequenos Brilhantes, que saiu do ar ganhando da Globo”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais