Riacho Doce e Hilda Furacão chegam ao Globoplay

Grande Sertão: Veredas também está prevista

Publicado há um mês
Por Felipe Brandão
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Os fãs do antigo filão de minisséries da Rede Globo vão adorar a próxima novidade do Globoplay. Além de dar prosseguimento ao resgate de novelas clássicas, a plataforma de streaming vai disponibilizar em 2021 algumas das narrativas curtas que o canal produziu entre as décadas de 1980 e 2000.

De acordo com informações do jornalista Duh Secco, em sua coluna no portal RD1, os primeiros títulos confirmados são três: Grande Sertão: Veredas (1985), Riacho Doce (1990) e Hilda Furacão (1998). A primeira estrear será Riacho Doce, a ser incluída no catálogo já no mês de janeiro.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A saga de 40 capítulos trata-se de uma adaptação do romance homônimo de José Lins do Rego, assinada pela dupla Aguinaldo Silva e Ana Maria Moretzsohn e focada no triângulo amoroso entre a bela Eduarda (Vera Fischer), seu marido Carlos (Herson Capri) e o sensual pescador Nô (Carlos Alberto Riccelli).

Grande Sertão: Veredas, por sua vez, centra seus 25 episódios na paixão proibida do jagunço Riobaldo (Tony Ramos) pelo companheiro Diadorim (Bruna Lombardi) – que na verdade nada mais é do que a corajosa Maria Deodorina (Bruna Lombardi) disfarçada de homem.

Por fim, Hilda Furacão conta a história de Hilda (Ana Paula Arósio), moça de família rica que, após romper com os pais, transformar-se em uma desejada prostituta, capaz de seduzir até mesmo o frei Malthus (Rodrigo Santoro), para quem a devoção e a fé estão acima de tudo – por quem a protagonista se apaixona.

Assim como Riacho Doce, os dois demais títulos também são adaptações de clássicos da literatura para a TV – desenvolvidas por Walter George Dust e por Glória Perez a partir das páginas escritas por Guimarães Rosa e por Roberto Drummond, respectivamente. Ainda não há previsão de estreia para ambos.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio