Compre iPhone SE na Apple a partir de R$ 3.779,10 à vista ou em até 12 vezes. Frete grátis para todo o Brasil
Saiba mais
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
histórico

Mateus Solano conta que Globo não queria beijo gay entre Félix e Niko em Amor à Vida: “Resistiu”

Atualmente, o ator está no ar em Quanto Mais Vida, Melhor!

Publicado em 06/03/2022
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

No ar como Guilherme em Quanto Mais Vida, Melhor!, novela das 19h da TV Globo, Mateus Solano ainda é lembrado por ter protagonizado o primeiro beijo gay em novelas da emissora. O ator viveu o momento com Thiago Fragoso, em Amor à Vida.

O dito ‘primeiro beijo gay em novelas’ aconteceu a partir da popularidade do Félix, que depois abraçou o casal com Niko (Thiago Fragoso). A Globo resistiu, não queria esse beijo. E os mais conservadores, mais homofóbicos, olhavam pra mim, davam uma risada e diziam: ‘Pô, você tem que dar um beijo naquele cara!’. Foi muito especial essa unanimidade“, lembrou o ator em entrevista ao portal Extra.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Sem dúvida, o Félix de ‘Amor à vida’ é imbatível em popularidade. Foi um caso de amor, bateu a química entre o personagem e os telespectadores. Ele foi acontecendo ao longo da história e mudou os paradigmas“, completou.

Félix (Mateus Solano) e Niko (Thiago Fragoso) de Amor à Vida (Divulgação/TV Globo).

Mesmo que Félix tenha marcado sua carreira, Solano garante que todos os papéis foram importantes em sua trajetória. “Com Félix, eu consegui cumprir um dos objetivos do artista: fazer com que o público reveja seus preconceitos. Mas todos os meus personagens me orgulham de formas diferentes“, disse.

Zé Bonitinho, da ‘Escolinha’ (no ar na Globo nas tardes de sábado), foi uma delícia de fazer. Rubião, de ‘Liberdade, liberdade’ (2016), embora áspero, fez o público se emocionar. Há personagens que fiz no teatro sem os quais não teria escrito a minha história. Todos fizeram parte de uma caminhada, nenhum degrau anula o outro“, ponderou.

Aos 40 anos, o ator falou também sobre suas transformações pela profissão. “Não consigo pensar em nada que eu não faria por um personagem. Engordar muito ou emagrecer ainda mais seria um prazer”, disse. “Estou careca, e adoraria poder aparecer assim em cena, na TV. Tanto para Eric (de ‘Pega pega’) quanto para Guilherme, usaram spray para esconder as falhas no meu couro cabeludo, eu meio a contragosto“, pontuou.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....