Juliette conta como agiria se voltasse com informações do Quarto Secreto do BBB 21: “Teria jogado na cara”

A paraibana diz o que faria com as informações que veria no Quarto Secreto do reality

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Os brothers do Quarto Cordel continuam repercutindo a todo o vapor o retorno de Carla Diaz ao BBB 21. Desesperada com o silêncio da atriz e sem saber o que está por vir, Sarah comenta: “Eu não vou pirar”.

“Se for para sair com 100% a gente vai sair, se for para ganhar a gente vai ganhar”, afirma Gilberto. Juliette entra na conversa e opina: “É maior do que isso, ninguém está 100% certo, nem 100% errado. É como falou, reconhecer o que fez de errado e ponto. Não adianta esse negócio de rejeição, de sair, sai desse lugar”, começa a sister.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Ela continua: “Eu já falei mil vezes o que eu pensava, vocês sabem para frente e para trás, eu estou sem energia para falar. A última tentativa foi aquela conversa que a gente teve ontem, que estava todo mundo, cada um dizendo uma coisa negativa de mim, aproveitaram o instante…”.

“Não aproveitou não, foram coisas que eu estava sentindo…”, disse o doutorando em economia interrompendo a advogada. “Mas amor, eu não estou dizendo que as coisas não estavam certas, umas sim e outras não, não é sobre isso, a última vez que falamos sobre Carla foi naquele momento, eu presente”, ressaltou a paraibana.

“Eu também, falei com Fiuk ainda”, acrescentou o pernambucano. “Ali só foi o desfecho do que já vinha acontecendo há várias semanas. Toda vez que se levantava o assunto da Carla eu tentava falar isso, mas me calavam, me falavam que eu estava cega, que eu não estava vendo. Todas as vezes. Eu estou mentindo?”.

A maquiadora questiona o economista e depois Sarah, que confirma que a colega não está mentindo. Juliette completa: “Então pronto, acabou, cada um sabe o que faz”. A brasiliense consola Gilberto e a advogada volta a falar
querendo saber se a atriz está falando com os colegas.

Em seguida, ela analisa o que faria se estivesse no lugar de Carla Diaz. “Eu não teria a capacidade jurídica de olhar na cara de uma pessoa e falar se eu tivesse brava com a pessoa, eu não falaria. Se, por exemplo, eu estivesse nesse negócio e vocês estivesse falando mal da minha reputação, eu ia lhe esculhambar. Eu já ia na voadora”, garantiu a sister.

A consultora de marketing não acredita que a intérprete de Carine em A Força do Querer agiria assim e ouve da maquiadora: “Eu teria jogado na cara de quem eu teria escutado aqui. Por isso que eu não fui, por isso que eu não estava lá. Eu acho que ela não deve estar com essa raiva toda”.

A cobertura completa do BBB 21 você acompanha no Observatório da TV!

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio