Globo e DAZN negociam acordo de parceria envolvendo Sul-Americana e Copa do Brasil

Publicado há 9 meses
Por Gabriel Vaquer
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A Globo e a plataforma de streaming esportiva DAZN estão negociando um acordo de parceria para a troca de direitos de transmissão para o ano de 2020. A emissora carioca cederia alguns jogos da Copa do Brasil, principal copa nacional do calendário brasileiro. Em troca, o DAZN daria partidas da Copa Sul-Americana, o segundo principal torneio de futebol da América do Sul.

Segundo apurou o Observatório da Televisão, as conversas ocorrem desde o mês de novembro com sigilo. Nos bastidores, a aproximação está sendo apelidada de “namoro”, que caminha para virar casamento se tudo correr como ambas as partes esperam.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A Globo entende que o DAZN não seria uma grande ameaça, pelo menos por enquanto, e que ceder jogos da Copa do Brasil seria importante para que ela não pague sozinha a conta dos direitos de transmissões e premiações, que chegam na casa dos R$ 55 milhões para o clube campeão.

Para o DAZN, seria ainda mais importante. Seria o primeiro direito nacional de grande relevância para o futebol. Aqui no Brasil, a plataforma já transmite a Série C do Campeonato Brasileiro, o Campeonato Paulista Sub-20 e está em vias de fechar compra do Campeonato Paranaense.

No entanto, nenhum deles é de “primeira prateleira”. Ou seja, que angarie assinantes em massa. A possível chegada da Copa do Brasil é vista com bons olhos. Mas tudo depende dos termos. Ainda não se tem uma previsão de quando o negócio possa ser sacramentado.

Globo e DAZN namoram por troca de direitos faz algum tempo

O DAZN chegou oficialmente no Brasil em março deste ano. Segundo a própria plataforma, já virou o aplicativo móvel de Esporte mais baixado do país. Além de futebol, o DAZN já adquiriu os direitos de transmissão do NBB (Novo Basquete Brasil) e de campeonatos estrangeiros, como o Campeonato Inglês.

Procuradas oficialmente pela reportagem do Observatório da Televisão, a Globo não respondeu ao contato até o momento da publicação. Bem como a Comunicação do DAZN. Caso as empresas se manifestem, a reportagem será atualizada.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais