Espelho da Vida: Cris atropela Américo, seu pai biológico: “Meu Deus, eu matei meu pai!”

Publicado há 2 anos
Por Henrique Carlos
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nos próximos capítulos de Espelho da Vida, a chegada de Cris (Vitória Strada) e Alain (João Vicente de Castro) tem virado a cidade de Rosa Branca de ponta cabeça. Muitos acontecimentos ainda estão por vir, para movimentar a trama. Américo (Felipe Camargo), o pai biológico de Cris sofrerá um acidente que deixará a moça bastante abalada.

Leia também: Gentil pede para que Margot dê uma força para Cris conversar com Américo

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Américo fala ao celular, irritado. O largo de Rosa Branca está bastante movimentado, com barzinhos lotados. “Quem é que deu esse número pra você, menino?! Foi o Tonho, né?! Eu mato aquele sujeito! Não, não pode me ligar, não quero saber de nada, Vitor! Tá proibido de me ligar! Proibido, entendeu, Vitor?!”, diz Américo na ligação e em seguida sai andando sem olhar, atravessa a rua. Justamente na hora em que Alain, com Cris na direção, vem e o atropela. Américo cai desmaiado no chão. “Alain, é meu pai!! Meu Deus, eu matei meu pai!!!”, diz Cris desesperada ao descer do carro.

Espelho da Vida é uma novela de Elizabeth Jhin, escrita com Duba Elia, Renata Jhin, Wagner de Assis e Maria Clara Mattos, e tem direção artística de Pedro Vasconcelos, direção geral de Claudio Boeckel e direção de Luis Felipe Sá, Rafael Salgado e Tande Bressane.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio