Com medo de reinfecção por Covid, Heitor Martinez se nega a fazer cena de beijo em Gênesis

Record TV precisou contratar dublês para dar andamento às gravações

Publicado em 8/7/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

De volta às gravações de Gênesis depois de ficar 13 dias na UTI em decorrência de complicações da Covid-19, Heitor Martinez ainda não se mostra seguro em relação ao contato que precisa ter com os colegas em cena. De acordo com Fábia Oliveira, o ator que interpreta Labão no folhetim da Record TV se negou a protagonizar um beijo com Suzana Alves, que encarna Salma.

Segundo a colunista, Martinez, que tem 53 anos, tem certo trauma e está com medo de uma possível reinfecção pelo novo coronavírus. Afinal, não é para menos, uma vez que o artista sofreu bastante com as consequências ocasionadas pela doença que já matou mais de 500 mil brasileiros.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Dublê de beijo

Com a recusa do ator, a equipe da novela bíblica decidiu correr atrás de uma alternativa para continuar as gravações do núcleo de Labão, papel de expressão na trama. A solução encontrada, conforme divulgou Fábia nesta quinta-feira (8), foi contratar dois dublês para a cena fatídica.

Portanto, não somente terá um dublê para substituir Heitor Martinez, como também para fazer a personagem interpretada por Suzana. A decisão de encenar totalmente com dublês foi da emissora, tendo em vista que a atriz não se negou a continuar com o trabalho mesmo sem seu par. Fábia garantiu na nota também que dublês de beijo na teledramaturgia cobram pelo menos mil reais por uma única cena – ou seja, eles agradecem!

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio