Após demitir funcionário com câncer, justiça ordena que Globo faça reintegração

Publicado há um ano
Por Guilherme Rodrigues
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Paula Becker Montibeller Job, juíza da 19ª Vara do Trabalho de São Paulo, ordenou que a TV Globo reintegre um almoxarife técnico que foi demitido sem justa causa no dia 15 de março deste ano enquanto estava em fase de tratamento de um câncer maligno na tireoide.

De acordo com o colunista Ricardo Feltrin, o rapaz, que teve o nome protegido, provou que estava desde o fim do ano passado realizando o tratamento. A demissão do profissional aconteceu dois dias antes dele realizar uma tireoidectomia (extração completa da glândula).

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O homem era funcionário da platinada há nove anos. “É certo que o empregado não pode ser imotivadamente dispensado enquanto estiver com capacidade laboral reduzida, sendo obrigação do empregador encaminhá-lo para tratamento junto à Previdência Social”, destacou a juíza no despacho.

Ainda foi decidido que a reintegração do rapaz deve ser feita numa função “compatível com sua limitação” e que o plano de saúde deve ser devolvido imediatamente. Procurada, a assessoria do canal disse que não comenta ações trabalhistas e casos internos.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais