A Lei do Amor inicia nova fase nesta sexta: Um amor que resiste ao tempo

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nesta sexta-feira, dia 07, vinte anos se passam na fictícia São Dimas, mas o amor entre Pedro (Chay Suede/Reynaldo Gianecchini) e Helô (Isabelle Drummond/Cláudia Abreu) resiste ao tempo. Mesmo magoados e com uma separação mal resolvida, a lembrança do romance permanece viva.

Após duas décadas fora do Brasil, Pedro volta e, por obra do destino, a primeira pessoa que encontra é ela, seu grande amor. A vida, no entanto, não é mais a mesma. Helô é casada com Tião (José Mayer), um empresário muito rico e possessivo, e tem dois filhos. Letícia (Isabella Santoni), sua filha mais velha, tem a saúde frágil e acaba de terminar um tratamento contra a leucemia, a mesma doença que matou sua mãe Cândida (Denise Fraga).

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Pedro amadureceu mas essencialmente continua o mesmo, com seus valores, seu caráter, sua integridade. Os anos, porém, atenuaram sua impulsividade e o tornaram mais preparado e cauteloso para lidar com adversários invisíveis. Helô casou-se com Tião, adquiriu cultura e conhecimento, é mãe de dois lindos filhos a quem ama muito, mas também permanece essencialmente a mesma mulher simples, despojada, amorosa, sensível e íntegra. Nem ele nem ela nunca mais se apaixonaram por outra pessoa. A lacuna que um deixou no outro permaneceu intacta ao longo dos anos, que os poliram, mas não alteraram em nada suas essências”, adianta a autora Maria Adelaide Amaral, que assina a novela com Vincent Villari.

Suzana (Gabriela Duarte/Regina Duarte), secretária de Magnólia (Vera Holtz), que recebera a missão de separar Pedro e Helô, se apaixona por Fausto (Tarcísio Meira), o marido da patroa. Acompanha o início da carreira política de Fausto em São Dimas e vai trabalhar para ele na prefeitura. “Fausto é um homem que se deu conta de todos os erros e quer dar uma virada radical na vida”, adianta Vincent Villari.

O destino dos filhos de Magnólia, Hércules (João Vitor Silva/Danilo Granghéia) e Vitória (Sophia Abrahão/Camila Morgado) muda drasticamente nesses 20 anos. Hércules que era um jovem imaturo e grosseiro com Carmem (Bianca Salgueiro), sua esposa e mãe dos seus filhos, chega aos dias de hoje completamente apaixonado por sua atual mulher, Luciane (Grazi Massafera). Já Vitória, que era uma jovem cheia de vida, perde quase todo o seu brilho ao casar-se com Ciro (Mauricio Destri/Thiago Lacerda). “A mudança dos dois será um choque”, avisa Vincent.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio