Reprise de Topíssima é beneficiada por Gênesis e vive bom momento

Novela de Cristianne Fridman foi descoberta por um novo público

Publicado em 5/6/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A Record TV surpreendeu o público ao apostar na reprise de Topíssima para dar sequência à faixa de novelas das 22 horas, anteriormente ocupada pela reapresentação de Jesus. Parecia um erro, dado o pouco tempo que separa a exibição original ao retorno. No entanto, o contexto desta reprise auxiliou a produção, que vive um bom momento.

Quando foi ao ar, em 2019, Topíssima registrou índices de audiência que a emissora não via com novelas contemporâneas havia algum tempo. Mesmo não sendo um fenômeno, a trama de Cristianne Fridman mostrou que a dramaturgia do canal poderia ir além das novelas bíblicas. Tanto que abriu caminho para Amor Sem Igual, que também obteve bons resultados.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

No entanto, em sua primeira exibição, Topíssima ia ao ar pouco antes das 20 horas, e concorria diretamente com Verão 90 e, depois, Bom Sucesso, duas novelas que registravam bons índices. Mesmo assim, conseguiu um público considerável para os padrões da Record TV.

Menos de dois anos depois, a trama voltou ao ar num contexto um pouco melhor. Ao colocá-la no horário das 22 horas, a Record conseguiu apresentar a novela a um novo público, diferente do da primeira exibição. Além disso, a reprise entra na sequência de Gênesis, que tem apresentado resultados expressivos, o que também a beneficia.

Ou seja, apesar de parecer uma reprise precoce, a volta de Topíssima foi feita num momento favorável para a história. O que mostra que a dramaturgia contemporânea da emissora ainda rende. Há um público potencial que ainda se interessa por estas novelas.

Além disso, é sempre bom lembrar que os principais sucessos da “fase de ouro” da dramaturgia da emissora, como Vidas Opostas ou Chamas da Vida, foram exibidas neste horário das 22 horas, que depois acabou abandonado pela emissora. Trata-se de um bom horário para novelas urbanas, pois permite tramas mais maduras. É uma faixa que o canal poderia considerar retomar, quando possível.

*As informações e opiniões expressas nessa crítica são de total responsabilidade de seu autor e podem ou não refletir a opinião deste veículo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio