Patrícia Abravanel surpreende e “segura” o Programa Silvio Santos

A filha do "patrão" tem tocado o programa do pai de maneira eficiente

Publicado em 14/11/2021 20:00
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Solução do SBT para estancar o período de reprises do Programa Silvio Santos, Patrícia Abravanel assumiu o programa do pai quase no improviso e surpreendeu. A filha número quatro tem se mostrado correta e muito segura diante da clássica atração do animador, que ainda se encontra em isolamento por conta da pandemia da covid-19.

O grande desafio de Patrícia Abravanel não é mostrar que evoluiu como apresentadora. Apesar de não ser genial como o pai, a jovem já tem a experiência de 10 anos comandando programas na emissora a seu favor. Falta-lhe personalidade, mas ela já tem presença cênica.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Assim, o desafio, na verdade, é conseguir se dar bem justamente à frente do Programa Silvio Santos. Afinal, a atração é muito baseada na figura do próprio apresentador. O dominical não tem quadros grandiosos e nem muito elaborados. São quadros simples, que funcionam quase como desculpa para que Silvio Santos faça suas gracinhas para a plateia e seus convidados.

Ou seja, o Programa Silvio Santos é o “Silvio Santos Show”. A grande atração é seu apresentador, sua língua afiada e a maneira única como ele interage com sua plateia. Os convidados e os jogos são coadjuvantes, servindo apenas como escada para que Silvio Santos faça o seu show.

Neste contexto, nem Patrícia Abravanel e nem ninguém conseguirá suceder Silvio Santos. Por isso, o primeiro acerto de Patrícia nesta substituição é não querer ser como o pai. Ela toca os serviços de maneira quase protocolar, com interações previsíveis e sem grandes inspirações. Mas faz bem. Ela consegue segurar-se ali nas quatro longas horas do Programa Silvio Santos.

Além disso, ela parece mais à vontade ali do que no Vem pra Cá, matinal diário que comanda ao lado de Gabriel Cartolano. Na revista eletrônica, Patrícia precisa lidar com pautas muito distantes de sua realidade, e sua insegurança e falta de repertório ficam evidentes. Já no programa do pai, ela deve apenas receber bem os convidados e comandar games.

Assim, fica evidente que a escalação de Patrícia Abravanel no Vem pra Cá foi um erro. Já que ela quer seguir na carreira de animadora dentro do SBT, seria melhor ela partir para os programas semanais de variedades. É onde ela funciona melhor.

*As informações e opiniões expressas nessa crítica são de total responsabilidade de seu autor e podem ou não refletir a opinião deste veículo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio