Mais do que você gosta.
Assine o Star+
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Exclusivo

Atriz raspa cabelo e usa bigode para virar menino em Além da Ilusão: “Confundi colegas na Globo”

À coluna, Zu Vedovato fala de mudança de Lucinha e reencontro com Rafael Vitti em novela das seis

Publicado em 15/06/2022
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Um 7 a 1 marcou o início da carreira de Zu Vedovato, e o mesmo placar volta para mudar o destino de seu papel em Além da Ilusão. A atriz que se destacou em Malhação Sonhos, lançada logo após a fatídica goleada na Copa do Mundo de 2014, jogará futebol na novela das seis da Globo. O interesse de sua personagem, Lucinha, pelo esporte surgiu após a derrota humilhante do time da tecelagem para a equipe da usina. Como mulheres eram proibidas de entrarem em campo, ela irá se disfarçar de homem para realizar seu grande sonho.

As primeiras cenas de Lucinha vestida de menino estão previstas para ir ao ar nesta quinta-feira (16). Para virar Lúcio, Zu Vedovato radicalizou o visual: engrossou as sobrancelhas, aplicou bigode falso e raspou parcialmente a cabeça. A mudança confundiu os personagens da trama também o elenco nos bastidores, revelou a atriz em entrevista exclusiva à coluna.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

“[O elenco] cai muito! Para você ter noção, no camarim, pessoas de outros núcleos às vezes passavam por mim quando fazia teste de caracterização e ficavam: ‘Será que é menina ou menino?’. Todo mundo ficou com essa dúvida! Porque é difícil, hoje a gente tem várias maneiras para se referir a uma pessoa, então elas ficavam: ‘Ai, meu Deus, como é que eu falo?’, porque é tudo muito novo”, conta Zu.

As gravações como Lúcio foram antecipadas em razão do surto de Covid-19 que afetou outros núcleos da novela. A atriz também contou com aulas de técnica vocal com uma professora de canto e uma fonoaudióloga para que a voz de menino soasse naturalmente, sem forçar a garganta. A caracterização impressionou Zu, que se achou muito parecida ao pai, Sinval, de quem herdou a paixão por futebol e pelo Corinthians.

“Vi meu pai criança! Sou muito parecida com meu pai e quando me olhei fiquei muito chocada. É abstrato se imaginar como menino, mas com o figurino, com toda a caracterização e o cabelo raspado é outra pessoa! Eu sempre fui muito apegada ao meu cabelo. Cortar foi um dilema muito grande, mas recentemente dei a louca e cortei curtinho. Também tinha clareado as pontas. Quando cheguei na novela, cortamos mais ainda e amei, pareceu o da Linn da Quebrada, curtinho. Ficou lindíssimo. Era um dilema se a gente iria cortar todo curtinho, estilo Karina de Malhação ou se a gente só iria fazer o disfarce, e ficou assim. Saio só de coquinho para o alto para mostrar o meu raspado, porque estou apaixonada”, vibra.

Zu Vedovato com Rafael Vitti em Malhação e atualmente

Zu Vedovato revê “irmão” Rafael Vitti em Além da Ilusão

A menção à personagem de Isabella Santoni não foi por acaso. Em Malhação, quando ainda se chamava Bianca Vedovato (antes de alterar o nome artístico com ajuda de uma numeróloga), Zu ganhou destaque como Tomtom, irmã de Pedro, interpretado por Rafael Vitti. Enquanto muitos funcionários da Globo ainda chamam a atriz de Bi, Bibi ou Bianca, o protagonista de Além da Ilusão trata a colega como “maninha”.

“Estava contando os dias para encontrar o Rafa, principalmente depois de trocar meu nome artístico, não sabia se ele iria lembrar. No primeiro dia, estava no camarim trocando de roupa e a Larissa Manoela chegou: ‘Seu irmão está como louco te procurando!’. Saí e o Rafael estava gritando: ‘Cadê minha maninha?’. Rafa é meu irmão de outras vidas, parece que a gente se conhece há muito tempo. É muito estranho a gente se reencontrar, porque eu era muito criança, mas continuamos com a mesma relação de sempre”, comemora.

Atualmente com 19 anos, Zu tenta se acostumar à vida adulta e se distanciar do rótulo de “atriz mirim” (antes de Malhação, trabalhou em Avenida Brasil e Sangue Bom). Cursa o sexto período da faculdade de cinema, já dirige seu próprio carro e se prepara para morar em seu primeiro apartamento com a irmã, a atriz e produtora Bia Vedovato.

“Às vezes até a minha ficha não cai que sou adulta (risos). Como muita gente me conhece desde pequena, me rotulam como atriz mirim. É um processo difícil tanto para o público quanto para mim. Já cresci, preciso me posicionar, saber falar na hora que tiver que falar, um processo de amadurecimento difícil ainda mais porque na pandemia cresci muito, mas está acontecendo e agora não tem mais minha mãe para me acompanhar nas gravações, eu que tenho que ver contratos, uma loucura. Moro com meus pais, mas dividimos as despesas. Desde pequenas tivemos muitas responsabilidades, conciliamos trabalho e estudos como uma condição dos meus pais. Só poderíamos gravar se não tirássemos nota vermelha. Sempre tivemos os pés no chão. Minha irmã e eu conseguimos dar entrada no nosso apartamento com o suor do nosso trabalho, mas graças aos nossos pais, que sempre foram ótimos parceiros e instrutores, porque se não fossem eles não teríamos cabeça para administrar e conquistar as nossas coisas”, afirma.

Siga o colunista no Twitter e no Instagram.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....