Justiça

Dois personagens detonam crime de Antônio e salvam a vida de Marino em Terra e Paixão

Delegado cai em uma armação e vai parar no limbo

Publicado em 19/10/2023

Marino (Leandro Lima) vai comer o pão que Antônio (Tony Ramos) amassou em Terra e Paixão. Após colocar o vilão na cadeia, o delegado paga caro.

Vingativo, o rei da soja contrata um capanga para prejudicar o bonitão. Assim, Marino é associado ao tráfico de drogas, vai parar na prisão e afastado do seu cargo.

Salvo por duas pessoas

O plano para acabar com Marino parte de Silvério (Samir Murad). O advogado asqueroso diz para Antônio plantar drogas nas coisas do delegado.

Não demora para o asqueroso chamar Setembrino (ator não divulgado) para executar a armação. Assim, o jagunço entra na pousada e coloca armas e entorpecentes entre os pertences do namorado de Lucinda (Débora Falabella).

Após executar o plano, Setembrino avisa a polícia e Marino é preso em flagrante. Ele é afastado da delegacia e processado, para a alegria de Antônio.

Marino e Antônio La Selva em Terra e Paixão
Marino e Antônio La Selva em Terra e Paixão

Mas o poderoso não esperava com o depoimento de duas pessoas inesperadas. Uma grande virada acontece no caso quando Caio (Cauã Reymond) e Nina (Kizi Vaz) contam que viram Setembrino na pousada. Assim, uma investigação é feita e o capanga é desmascarado.

Setembrino vai parar na delegacia e abre a boca: ele afirma que foi contratado por Antônio e detona o plano. Assim, Marino é inocentado e salvo, para o ódio do rei da soja.