Gafe no jornalismo da Record TV gera insatisfação em equipe

Ferramenta contra fake news foi lançada de maneira equivocada

Publicado em 11/8/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nessa semana a Record TV lançou o Monitor7, um serviço de checagem de fatos, que identifica as fake news com publicações diárias, aponta a origem da circulação das notícias falsas, além de checar dados e mostrar como é o processo de verificação de informações. O “problema”, no entanto, ocorreu quando alguém, muito inteligente, quis aproveitar o ‘R’ no título.

O negócio que era pra se chamar MONITOR R7, virou MONITOR7. Só que, com uma simples busca no Twitter com o uso da hashtag #Monitor7, descobriu-se que ela já é uma ferramenta usada na Europa pra denunciar casos de racismo. A coluna apurou que a gafe, não somente tem ocasionado conflito no uso da hashtag na rede social como também a insatisfação da equipe envolvida.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O MonitoR7 tem uma equipe exclusiva de jornalistas, que conta com a colaboração das redações da Record TV e do R7.com. As informações checadas serão publicadas no próprio R7, além dos telejornais da Record TV e nas redes sociais da emissora.

O serviço checará notícias em redes sociais e aplicativos, além de declarações de autoridades e personalidades. A plataforma também promete trazer em tempo real a checagem de informações em lives e entrevistas coletivas que abordam temas relevantes, polêmicos e de grande repercussão.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio