Grande estrela do SBT, Hebe Camargo se despedia do canal há 11 anos

A veterana encerrava uma parceria de 24 anos

Publicado em 02/01/2022 10:00
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

No dia 27 de dezembro de 2010, o SBT exibia uma cena que seus espectadores custaram a acreditar: Hebe Camargo encerrava seu programa anunciando sua saída do canal. Emocionada, a veterana apresentadora discursou, diante de sua plateia atônita, o quanto foi feliz nos 24 anos de parceria com o canal de Silvio Santos, mas que era tempo de renovar.

A surpresa se deu em razão do status de Hebe Camargo dentro do SBT. A apresentadora, que já era uma grande estrela da TV quando a emissora nascia, foi buscada por Silvio Santos na Band para fortalecer sua linha de shows. O programa Hebe no SBT, então, estreava no dia 4 de março de 1986.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Apesar de já ter uma longa trajetória anterior ao SBT, foi no canal que Hebe chegou ao auge de sua popularidade na telinha. Em seu programa semanal, a apresentadora falava o que lhe vinha à cabeça, discursava sobre o que acreditava ser correto e recebia convidados em seu sofá, sempre cheio de estrelas.

Com a fórmula simples do bate-papo no sofá, como se recebesse uma visita em casa, Hebe conquistou excelente audiência e fez do seu programa uma das maiores audiências do SBT. As noites de segunda-feira se consagraram na emissora como o “dia da Hebe”, embora ela tenha ocupado também as noites de terça.

Hebe se tornou a cara do SBT, e chegou a emplacar outros programas na emissora, como o Hebe por Elas e o Fora do Ar. Ela também estrelou especiais de comédia, como o clássico Romeu e Julieta, e foi madrinha do Teleton, tornando-se uma das responsáveis pela campanha da AACD que o SBT promove anualmente até os dias de hoje.

Mas, em seus últimos anos no canal, Hebe viu sua relação com o SBT se desgastar. A queda de audiência de seu programa, somada às inúmeras trocas de dia e horários de exibição, culminaram em queixas públicas de Hebe à direção da emissora. Às segundas, Hebe entrava cada vez mais tarde, um horário que ela achava ruim. Em 2006, o SBT deslocou seu programa para as noites de sábado, fazendo a audiência desabar ainda mais.

Mais adiante, Hebe voltou às noites de segunda, e chegou a inaugurar a faixa SBT Show, às 20h30 (tanto que as chamadas da novidade começavam com a frase “a Hebe reclamou e o SBT mudou”). Assim, ela entrava no ar num horário mais acessível, embora mais concorrido. Com isso, o programa Hebe foi perdendo ainda mais audiência.

Soma-se a isso o fato de, a cada renovação de contrato, as negociações iam ficando mais difíceis. Hebe sempre ameaçava não renovar, mas acabava renovando. Até que, em 2010, a ameaça se tornou um fato, e Hebe realmente não aceitou renovar seu acordo com o SBT. Uma proposta de redução salarial teria sido o estopim para que a renovação não acontecesse.

Hebe se despediu da programação do SBT em dezembro de 2010 e, no ano seguinte, fez sua estreia na RedeTV!, nas noites de terça-feira. Na nova emissora, a estrela ficou pouco mais de um ano, anunciando seu retorno ao SBT no segundo semestre de 2012. Entretanto, Hebe não chegou a reestrear, pois faleceu dois dias após a assinatura do novo acordo com Silvio Santos. A apresentadora lutava contra um câncer e teve uma parada cardíaca.

Veja a despedida de Hebe do SBT:

Leia outros textos do colunista AQUI

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio