Reprise de Escrava Mãe termina com péssima média geral na Record TV

Gustavo Reiz é o autor da obra recém-finalizada

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A reprise de Escrava Mãe encerrou sem pena nem glória sua trajetória pelas tardes da Record TV. A história de Juliana (Gabriela Moreyra) e Miguel (Pedro Carvalho) saiu do ar com uma das piores médias gerais do folhetins reapresentados na grade vespertina da Barra Funda.

Ao longo de seus 149 capítulos, a obra escrita por Gustavo Reiz acumulou apenas 5,3 pontos de média geral, derrubando em 24% a audiência herdada de sua antecessora indireta, A Escrava Isaura (7). Em sua primeira exibição, na faixa das 19h, ela havia marcado 10,8.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Foi, além disso, a pior sintonia de toda a sua faixa de exibição, abaixo de Bela, a Feia (7,4), Luz do Sol (6,2), Ribeirão do Tempo (6,2), Amor e Intrigas (6,9) e Prova de Amor (6,5).

Considerando o segundo horário de reprises vespertinas – encerrado em novembro do ano passado -, Escrava Mãe se sobressai a Dona Xepa (3,4), Chamas da Vida (4,8), Caminhos do Coração (5,2) e Os Mutantes (4,5), ficando atrás apenas de Essas Mulheres (5,4), Bicho do Mato (5,5) e Vidas em Jogo (5,5).

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio