Inês provoca ira de Carlos ao compará-lo com Alfredo

Publicado há 9 meses
Por João Paulo Reis
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Inês (Carol Macedo) vai cutucar a onça com a vara curta em Éramos Seis e provocar uma baita briga com Carlos (Danilo Mesquita) ao dizer que queria que ele fosse como Alfredo (Nicolas Prattes). Tudo começa com Shirley (Bárbara Reis), que disposta a agir contra Lola (Gloria Pires) e seus filhos, começa a aconselhar Inês contra o ex-estudante de medicina, dizendo ser errado o tempo que ele passa ajudando a mãe.

Durante
um jantar na casa dele, a enfermeira presencia uma discussão desagradável por
causa de política, quando Alfredo começa a dizer que as coisas precisam mudar a
partir de uma revolução social, sobretudo a truculência de Getúlio Vargas, mas
Carlos, avesso ás mudanças diz que o irmão não sabe de nada e o chama de
comunista.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Este país tem mania de chamar todo mundo que questiona desigualdade e injustiça de comunista. Não sou comunista. Mas escuto o que o Lúcio fala com atenção. E concordo, não aceito que não se possa questionar o que está errado”, explica Alfredo, e Carlos diz que sabe que o irmão frequenta reuniões políticas.

Sabendo da perseguição contra os opositores do governo Lola, fica nervosa com aquilo, sobretudo ao saber que o filho vai sair novamente. E mais tarde, é isso que faz com que Inês discuta com o namorado, dizendo a ele que não gosta do seu jeito de julgar os irmãos, e expô-los. “Entregou o Alfredo pra sua mãe, não devia ter feito isso”, diz a enfermeira já encantada pelo baderneiro.

Quando Carlos diz que não sabe o que Alfredo ganha com isso, Inês diz que ele ganha a própria vida, diferente de Carlos que vive a vida dos outros. “Digo porque às vezes preferia, quer dizer, prefiro! Queria que fosse como o Alfredo”, falará ela ao explodir com o namorado, afirmando que o irmão sim busca a felicidade, mesmo que isso o afaste da família, algo correto em sua visão.

“Sinto te desiludir, se espera que eu seja outra pessoa, jamais serei como o Alfredo. Vejo que não gosta de mim. Mas foi bem clara: preferia que eu fosse como meu irmão. O sujeito que mais desprezo. Já falamos demais, Inês. Boa noite”, encerra Carlos.

As cenas vão ao ar a partir do capítulo 105, previsto para ser exibido no dia 30 de janeiro. Alterações podem ocorrer devido à edição dos capítulos.

Mais Informações, curiosidades, sinopse, personagens e o resumo diário e atualizado dos capítulos da novela Éramos Seis

Confira o resumo dos capítulos das outras novelas da TV Globo, SBT, Record TV e Band

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais