ENTREVISTA

Anthony Verão de Vai na Fé, Orlando Caldeira celebra romance na novela: “Divisor de águas”

Ator falou sobre a representatividade dos atores negros na dramaturgia brasileira

Publicado em 22/05/2023

O ator Orlando Caldeira, de 37 anos, que atualmente interpreta o personagem Anthony Verão na novela Vai da Fé, da TV Globo, celebrou a representatividade de seu papel na história de Rosane Svartman. Em entrevista à Quem, o artista apontou como ‘divisor de águas’ a retratação de um homem gay preto na dramaturgia brasileira.

“A Rosane Svartman (autora da novela das sete) é brilhante em toda escrita da novela. A naturalização desse corpo gay é muito bonita e inteligente. A gente precisa parar de estranhar os corpos que fogem de qualquer tipo de padrão. Precisamos normalizar isso! A novela traz de forma muito interessante o romance do Anthony Verão com o Vitinho (Luis Lobianco). Acaba sendo um divisor de águas na teledramaturgia brasileira por trazer esses temas de forma palatável, natural e com muito respeito”, confessou o artista.

Orlando Caldeira também ressaltou que é preciso mais diversidade de papéis nas produções brasileiras para atores negros.

“O ator negro está ganhando um protagonismo, que é fundamental, mas não adianta protagonizar e não ter diversidade de personagens e de humanização. A gente também precisa que esses atores possam ter uma continuidade no trabalho, que o papel não seja algo isolado na carreira deles. Que possamos desenvolver cada vez mais o nosso exercício do fazer em outras produções”, analisou ele.

Por fim, o ator revelou como foi a construção de Anthony Verão na novela das 19h00 e confessou que precisou consumir o jornalismo de fofocas para entender melhor a cabeça de seu personagem.

“Foi um trabalho muito bonito que a gente teve na preparação. O elenco inteiro viveu momentos muito importantes sob o comando da preparadora de elenco Cristina Moura. Ela conseguiu trazer essa noção de unidade e equalizar os atores para trazerem a verdade e sinceridade de seus personagens. Junto disso, comecei a consumir muito dos jornalistas que se dedicam ao ramo do entretenimento e das fofocas nas redes sociais. Fui entendendo os trejeitos, o que une e o que diferencia um do outro. Fui entendendo o Anthony Verão que me ajudaria a contar essa história”, completou Orlando Caldeira.

© 2024 Observatório da TV | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade