Criticado por fãs de Pabllo Vittar, Ratinho manda recado: “Vai xingar o capeta!”

Publicado há 2 anos
Por Guilherme Rodrigues
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Na edição da última terça-feira (11) do Programa do Ratinho, o apresentador resolveu se manifestar sobre o fato de Pabllo Vittar ter entrado na lista das 25 mulheres mais sexys do Brasil de 2018, feita pela revista Isto É.

Leia: Ratinho desabafa sobre Jair Bolsonaro: “Vamos torcer para ir bem, se for mal vamos ‘meter o pau’”

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“É por isso que revista tá acabando. Pabllo Vittar mulher mais sexy do ano? Nem mulher é, ou vou aceitar mulher com saco no lugar de periquita?”, disparou o comunicador. Após receber várias críticas, o famoso voltou ao assunto nesta quarta-feira (12).

Saiba mais: Ratinho fala sobre saída de Mara Maravilha do seu programa e alfineta: “Difícil de lidar”

“As vezes eu fico brincando com o Pabllo, a Pabllo e as pessoas podem pensar que eu tenho alguma coisa contra ela ou ele, sei lá, eu não tenho nada contra”, garantiu o apresentador em seu programa.

“Daqui a pouco já vão me xingar na rede social, rede social agora virou o diabo, todo mundo xinga. Vai xingar o capeta!”, concluiu Ratinho.

“Corro dele o máximo que posso”, afirma Ratinho sobre Silvio Santos

Na madrugada do dia 10 de setembro, foi ao ar no SBT a edição do Poder em Foco que contou com a participação de Carlos Massa, conhecido como Ratinho. Durante o formato, o comunicador falou sobre a sua relação com Silvio Santos.

“Corro dele o máximo que posso. Tenho medo dele me mandar embora. Onde eu vou trabalhar? Record vai me querer? Globo vai me querer? Band? Rede TV!? O Marcelo pega todos os horários pra ele e a mulher dele”, ironizou o famoso.

O artista garantiu querer trabalhar até o fim da vida. “Quero sair daqui em uma cadeira de rodas carregado para o cemitério. Quero morrer na televisão. Televisão pra mim não é trabalho, é um parque de diversões. Se eu pudesse morar no trabalho eu faria uma casa e moraria aqui dentro”, declarou o apresentador.

Carlos ainda analisou as mudanças que aconteceram na atração que comanda. “Nós acompanhamos não a mudança da sociedade, mas da comunicação. No primeiro momento eu fazia um programa de sensacionalismo, mas fazia humor também. Agora, vendo que a internet estava dominando o sensacionalismo, resolvi ir para o entretenimento”, concluiu Ratinho.

 

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais