Saiba como funciona a transição de Ivan de A Força do Querer

Publicado há 3 anos
Por Guilherme Rodrigues
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Desde que revelou para a família que é um jovem transexual, Ivan (Carol Duarte), personagem de A Força do Querer, iniciou a sua transição para ficar com características masculinas.

O filho de Eugênio (Dan Stulbach) começou o processo usando hormônios, o que faz com que o corpo se adeque mais ao gênero no qual ele se identifica. Fora da ficção, ao ingerir a testosterona, o cabelo pode cair num período de seis meses a um ano e se inicia o surgimento de barba.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A irritabilidade que o personagem teve no início da mudança por consumir os hormônios, com o passar do tempo vai deixando de existir e o novo tom de voz também faz parte.

“A voz perde o tom feminino após três meses do início do tratamento hormonal. Mas todas as transformações corporais só se mantêm se o uso da testosterona for continuado. Caso contrário, há regressão nos efeitos”, explicou Amanda Athayde, da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia, ao jornal O Globo.

Em um caso como o de Ivan, que descobrirá que está gerando um filho, algumas características de um corpo feminino ainda podem ser mantidas, caso a cirurgia de remoção dos seios não tenha sido feita. “O homem trans que engravidar pode amamentar normalmente, desde que pare de fazer o tratamento hormonal assim que descobrir a gestação”, contou a especialista.

Carol Duarte comenta sobre sósias de Ivan: “Todo dia me enviam fotos”

Ao fim, uma mudança no andar é notada por causa do novo porte físico e em alguns casos, uma cirurgia na região íntima pode ser realizada caso o trans queira. “O clitóris cresce com a testosterona e pode ficar maior com a cirurgia que faz do órgão um micropênis. A menstruação cessa com o uso do hormônio”, concluiu Athayde.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio