Florinda Meza

Eterna Dona Florinda fala sobre os atores do elenco: “Eu tenho bonitas lembranças de todos eles”

A atriz mexicana comemora os 50 anos da personagem

Publicado em 27/10/2022

Aos 73 anos de idade, Florinda Meza concedeu nesta quarta-feira (26), uma entrevista para anunciar que virá ao Brasil para o Educa Fest, por se identificar muito com as questões de ecologia e sustentabilidade. Ela fará um encontro com os fãs no Festival da Boa Vizinhança, que acontecerá em abril de 2023, em São Paulo e no Rio de Janeiro.

A viúva de Chespirito é atriz, cantora, roteirista, diretora e produtora de novelas mexicanas. Tornou-se mundialmente famosa por ter interpretado as personagens Dona Florinda e Chimoltrúfia dos seriados de Roberto Goméz Bolãnos. Muita gente não sabe, mas a atriz mexicana também deu vida à sobrinha de Dona Florinda, a Pópis, que fez parte do elenco das crianças da vila.

Também atuou em peças de teatro e filmes, todos criados e protagonizados por seu falecido marido, Roberto Goméz Bolaños, morto em 2014, vítima de uma parada cardíaca.

Em um bate-papo, a intérprete da Dona Florinda revelou: “Roberto foi um bom líder, ele conseguiu deixar todo o grupo diverso unido por 25 anos, sendo que certos casamentos não duram tanto”.

Florinda Meza como Dona Florinda (à esquerda), em Chaves, e atualmente (à direita) (Reprodução/Televisa/Instagram)
Florinda Meza como Dona Florinda à esquerda em Chaves e atualmente à direita ReproduçãoTelevisaInstagram

RODRIGO CERIBELLI: Dá para imaginar que já se passaram 50 anos do seriado Chaves e que seria todo esse sucesso?

FLORINDA MEZA: Quando fazemos algo, esperamos que todos gostem. Depois de tanto tempo, estou agradecida, porque completamos 50 anos, tudo isso é uma surpresa agradável!

RC: Quais são as principais recordações que você tem das gravações de Chaves e Chapolin?

FM: Tenho várias lembranças bonitas, como o cheiro da pintura dos estúdios. São lembranças que me levam à nostalgia, com saudades de ver Roberto dirigindo e atuando.

Todos nós do elenco nos dávamos super bem, eu não entendo por que surgiram tantas histórias inversas, isso me incomoda muito…

RC: Você já visitou o Brasil em 2015. Do que mais gostou quando esteve por aqui?

FM: É um país lindíssimo, o que eu mais gosto são os brasileiros. Eles têm um espírito de sobrevivência e de luta, são admiráveis.

RC: Por que você acha que o Brasil é um dos países que mais têm fãs do seriado Chaves?

FM: Os brasileiros são muito afetivos e apaixonados. Muitas pessoas acham que os brasileiros são festeiros, mas estão dispostos a serem felizes. O número de gerações que atingimos é surpreendente e estou agradecida.

RC: Como se sente em voltar para o Brasil e participar do Educa Fest?

FM: Educa Fest é um movimento muito nobre. Tomara que cheguem até as casas todos esses ensinamentos. Respeito e amor com a natureza e com os semelhantes, respeito aos animais e às plantas, gostaria de participar mais desse tipo de movimento. Estou feliz!

© 2024 Observatório da TV | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade