Hickmann agora renega Bolsonaro

Publicado em 03/04/2024

Hickmann agora renega Bolsonaro e diz que só não votou em Lula por culpa do ex-marido.

“Fui obrigada a apoiar Bolsonaro”. É assim que Ana Lúcia Hickmann justifica para as esquerdistas que a apoiam contra Alexandre, mas não digerem o fato dela ter votado em Jair Messias em 2018.

Renega Bolsonaro

Ela afirma que seu candidato era Lula, mas que tinha de seguir as orientações do marido e empresário tirano. 

O fato é que boa parte dos grupos e feministas que vêm “segurando a mão” de Ana contra o seu marido “violento” são da chamada esquerda.

No entanto, ninguém deve ser tão burra a ponto de acreditar nessa preferência política revelada tão recentemente.

O que ela diz 

Em março de 2019, exatos cinco anos atrás, as declarações de Ana sobre Bolsonaro não pareciam ser ditadas por nenhum tirano.

Vejamos:

“Hoje eu tive a honra de conhecer o meu presidente”, Ana postou no instagram naquela quarta-feira, 27.

Quando fãs da apresentadora da Record a cobraram, ela foi cortante: 

“Vendo todos os comentários e ainda não consigo entender as pessoas que acham que todo mundo tem que ter a mesma opinião.

O nosso país sempre fala em democracia, mas sempre tem aqueles que se negam a aceitar (a democracia). Cada um tem o livre arbítrio para escolher o que achar melhor.”

E continuou:

“Uns gostam de magros, outros de gordos, uns preferem loiras, outros, morenas, e por aí vai. E ninguém é menos importante por isso. 

Vamos aprender a respeitar, independentemente de apoiar partido A, B ou C. Eu não tenho partido, eu tenho o Brasil. Meu país, minha casa”, rebateu.

LEIA MAIS:

Hickmann emprestou R$ 1,27 milhão de banco e agora nega

Ele não quer ser chamado de “Talarico”

Hickmann agora renega Bolsonaro e diz que é Lula desde criancinha

O post Hickmann agora renega Bolsonaro apareceu primeiro em Ricardo Feltrin.

Assuntos relacionados:

© 2024 Observatório da TV | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade