Dúvida

O detalhe que ninguém percebeu sobre Enzo e Tadeu no final de Terra e Paixão

Personagens apresentaram o filme da Rainha Delícia no último capítulo

Publicado em 20/01/2024

O detalhe que ninguém percebeu sobre Enzo e Tadeu no final de Terra e Paixão.

O último capítulo da novela das nove foi exibido nesta sexta-feira (19) e será reapresentado neste sábado (20).

Um dos desfechos mostrados foi a exibição do filme sobre a Rainha Delícia, dirigido e produzido por Tadeu (Claudio Gabriel) e Enzo (Rafael Gualandi).

Antes do filme rodar no cinema, no qual está grande parte dos personagens da trama, Tadeu faz um discurso de agradecimento. Emocionado, o ex de Gladys (Leona Cavalli) cita Enzo com muito carinho e os dois se olham de forma doce. Durante o longa eles ainda se dão as mãos.

Tadeu (Cláudio Gabriel) em Terra e Paixão
Tadeu Cláudio Gabriel em Terra e Paixão

Claro que pode ser um retrato de uma bela amizade. O técnico de informática se tornou realmente o “fiel escudeiro” de Tadeu, desde inúmeras falcatruas na cooperativa, até a direção do filme de gosto duvidoso.

Acontece que Tadeu nunca mostrou antes essa sua face mais carinhosa, muito menos com Enzo, quem ele tratava até mesmo com desprezo por muitas vezes.

Leia mais: Autor conta: saiba por que Ramiro ganhou final feliz após inúmeras atrocidades em Terra e Paixão

Rafael Gualandi interpreta Enzo em Terra e Paixão
Rafael Gualandi interpreta Enzo em Terra e Paixão

Dessa forma, há como pensar em um desfecho também de redenção para Tadeu e Enzo, como ocorreu com outros antagonistas. E além disso, é possível imaginar em um romance que nasceu entre os dois, a partir de tanta proximidade e cumplicidade.

Uma parte do público percebeu a união afetiva dos personagens que antes trocavam inúmeras farpas e batiam no peito dizendo ser héteros. Mas outra não notou o detalhe, afinal, a dupla é bem coadjuvante na novela.

O final dessa história, seja “de amor” ou de “amizade”, ficou no ar, deixando a dúvida no telespectador. Será que Tadeu e Enzo formaram um casal?

© 2024 Observatório da TV | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade