Mais do que você gosta.
Assine o Star+
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
VEJA!

Capítulo final: O que acontece com Lobato em O Clone?

Conheça o desfecho do personagem viciado em drogas na novela

Publicado em 17/05/2022
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Lobato (Osmar Prado) morre no último capítulo de O Clone? O personagem passa a novela toda lutando contra o vício em drogas e chega ao final da trama bem debilitado.

A reprise de O Clone chega ao fim nesta sexta-feira (20) trazendo emoções ao telespectador do Vale a Pena Ver de Novo.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Uma delas se refere ao desfecho de Lobato, uma das figuras de destaque do núcleo carioca. Viciado em cocaína e álcool, ele surge em sessões de psicanálise durante toda a história escrita por Gloria Perez.

Nesta última semana, porém, Lobato toma a decisão de ir além em seu tratamento. Antes disso, ele assume para Carol (Thalma de Freitas), sua namorada, que deseja retomar o contato com os filhos.

Lobato (Osmar Prado) em O Clone

Procura os filhos e acaba internado

Quando decide procurar os filhos, Monique (Cynthia Falabella) e Pedro (Caio Junqueira), o empresário acaba se acovardando e vai para o bar, onde bebe álcool e usa drogas.

O veterano começa a surtar na rua e passa mal, até que chamam uma ambulância e os filhos, que sabem que o pai os procurou, conseguem ver a cena de longe.

Monique sai correndo para ver o pai caído na rua e Pedro vai atrás, em desespero. Os dois aflitos e mesmo sem querer muito contato, vão atrás do pai no hospital. A moça o visita no quarto e cai no choro ao ver o pai naquele estado.

Lobato acaba sendo internado e começa a frequentar o Narcóticos Anônimos. Após isso, ele consegue retomar o contato com os herdeiros.

Monique (Cynthia Falabella) e Pedro (Caio Junqueira) em O Clone

Lobato tem final ao lado de Mel e Nando

O final de Lobato não terá morte. Pelo contrário. O homem consegue se recuperar das drogas, assim como Mel (Débora Falabella). Aliás, ele surge no último capítulo em uma sessão do Narcóticos Anônimos, presenteando a moça após um ano livre do vício.

“Mel continua na luta”, diz a voz de Ali (Stênio Garcia) no episódio final de O Clone, enquanto passa Mel recebendo uma medalha das mãos de Lobato.

Lobato (Osmar Prado) e Mel (Débora Falabella) em O Clone

Depois, disso, Lobato se une a Nando (Thiago Fragoso), que também se internou na reabilitação, e Mel, para abrir um espaço para ajudar dependentes químicos.

Eles batizam o local de ‘Clínica Regininha’, em homenagem a Regininha (Viviane Victorette), personagem que desaparece nos momentos finais da novela.

Quem será o diretor do estabelecimento será o psiquiatra de Lobato. Veja fotos das cenas:

Lobato (Osmar Prado) e seu psicanalista, vivido pelo ator Haylton Farias em O Clone
Nando (Thiago Fragoso) e Mel (Débora Falabella) no final em O Clone (Reprodução Globo)

Confira também: Final de O Clone: Mel sai da reabilitação e se depara com dois Xandes; entenda

Leia outros textos desta colunista.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....