Mais do que você gosta.
Assine o Star+
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
novidade

Nova programação da CNN Brasil prioriza hard news

Programa de William Waack será diário e Monalisa Perrone assume Jornal da CNN

Publicado em 23/02/2022
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Quando entrava no ar, há dois anos, a CNN Brasil iniciava sua programação já tendo a espinhosa missão de transmitir o início do isolamento provocado pela pandemia da covid-19. Neste contexto, a emissora havia planejado uma grade que priorizava documentários, entrevistas e material “frio” para a faixa das 22 horas e finais de semana. Mas mudou os planos e passou a priorizar o “ao vivo”.

Assim, a ideia de se ter uma grade mais variada, que fosse além de telejornais, só ganhou mais força a partir da criação do selo CNN Soft, que lançou vários programas de “variedades”. O canal de notícias fixou uma espécie de linha de shows, na faixa das 22 horas, com programas semanais informativos. Aos finais de semana, outros programas da linha também foram lançados.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

No entanto, ao completar dois anos, a atenção do canal se voltará, novamente, ao hard news. No início de abril, a emissora reformula telejornais e abre mão dos programas da faixa das 22 horas, que abrigará uma versão diária do WW, de William Waack. Assim, atrações como O Grande Debate e CNN Nosso Mundo passam a ser exibidos aos finais de semana.

Entre as novidades, a estreia de CNN Money, sobre economia, no início das manhãs, e a inversão de horários entre o CNN Prime Time e Expresso CNN: este último será exibido das 18h30 às 19h30, entregando para o Prime Time, das 19h30 às 21h. Márcio Gomes segue no Prime Time, mas o Expresso ganha a apresentação de Elisa Veeck e Evandro Cini. Monalisa Perrone passa para o Jornal da CNN, às 21h. As mudanças começam a valer em 4 de abril.

Eleições

De acordo com o comunicado distribuído pela CNN, a ideia é priorizar a informação ao vivo em razão do período eleitoral. Faz sentido. No entanto, as mudanças também mostram que o canal ainda tateia um rumo, sobretudo no que se refere à linha da CNN Soft, que, agora, fica restrita aos finais de semana.

Mas vale lembrar que esta é uma promessa de Renata Afonso desde que assumiu o cargo de CEO da CNN: apostar em programas de “soft news” aos finais de semana. E, até aqui, as apostas têm se mostrado boas, já que a linha conta com uma série de programas interessantes.

Enquanto isso, no hard news, as mudanças também parecem boas. Monalisa Perrone no Jornal da CNN será um grande acerto, assim como a “transformação” do Expresso CNN num jornal mais enxuto e tradicional, como um “resumão” das notícias, parece uma boa ideia. É aguardar para ver no ar os resultados dos ajustes anunciados.

Leia outros textos do colunista AQUI

Entre em contato com André Santana AQUI ou AQUI

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....