Telerromance: nos anos 1980, a TV Cultura apostou em clássicos literários adaptados para o formato novela

Ciclo foi ao ar entre 1981 e 1982 e contou com 17 produções curtas, de 20 capítulos em média

Publicado em 23/7/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

No começo dos anos 1980, a TV Cultura mudou sua identidade para RTC (sigla de Rádio e Televisão Cultura), numa tentativa do governo de São Paulo de torná-la mais competitiva no cenário nacional, no qual a TV Tupi havia encerrado suas atividades e duas novas redes logo surgiriam – o SBT e a Manchete, a partir de emissoras antes componentes das Associadas, grupo da Tupi.

Em 6 de julho de 1981, a emissora colocou no ar a primeira de uma série de pequenas novelas, que hoje seriam chamadas de minisséries – na média, 20 capítulos, algumas chegando a 30. O projeto Telerromance se propunha a fazer na TV adaptações de clássicos literários, e teve à disposição diversos talentos que a Tupi deixou sem esse campo de trabalho.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O primeiro título foi O Vento do Mar Aberto, com texto de Mário Prata a partir do romance de Geraldo dos Santos. Herson Capri viveu o protagonista Honório, que ao sair da cadeia precisa se recolocar na sociedade. O desenrolar da trama revela quem Honório havia matado: a professora Camila (Kate Hansen), com quem o rapaz teve um romance. A direção coube a Edison Braga, a exemplo de diversos outros telerromances.

Na sequência foi a vez de Geraldo Vietri adaptar Floradas na Serra, romance de Dinah Silveira de Queiroz que a Vera Cruz havia filmado com Cacilda Becker e Jardel Filho nos papéis centrais. Bete Mendes, Amaury Alvarez, Carmem Monegal e Fernando Peixoto protagonizaram o enredo, passado em Campos do Jordão (SP) e que tratava da realidade que cercava jovens em recuperação de quadro de tuberculose.

O projeto terminou em setembro de 1982, com Música ao Longe, mais um romance de Érico Veríssimo adaptado por Mário Prata. Djenane Machado e Fausto Rocha viveram Clarissa e Vasco, na história que se dividia em duas épocas. Assim como em Iaiá Garcia, a emissora lançou um concurso literário, no qual os estudantes eram incentivados a comparar a obra escrita para a TV com seu original em livro.

Alguns dos títulos do Telerromance foram reprisados, não apenas pela Cultura como também por emissoras concorrentes como as TVs Gazeta e Manchete. Como diria o outro, ‘vale a pena ver de novo’. Confira o vídeo do TBT da TV do Observatório da TV sobre esse ciclo!

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio