“Por trás das maldades de Jezabel há muitas tristezas”, afirma Lidi Lisboa protagonista da trama

Publicado em 19/04/2019

Em Jezabel, Lidi Lisboa terá um grande desafio. Interpretar uma das personagens mais emblemáticas das escrituras. De personalidade forte, a rainha dos fenícios passa por cima de tudo e todos para conquistar o que deseja. Em um jogo de muito poder, sexo e religiosidade, Lidi acredita que o público certamente irá compreender as razões que levaram a rainha a ser tão má.

“Você pode esperar tudo. Reflitam sobre as suas atitudes, nosso trabalho é esse. A Jezabel sofre muito, ela tem tristezas, ela escolheu ser cruel, amarga. Vale a pena acompanhar. Nunca tive um personagem tão grande, com essa gama”, afirma a atriz ao Observatório da Televisão.

Aliás, outro destaque da trama é a abertura da macrossérie de pouco mais de oitenta capítulos. Nela, Lidi (Jezabel) dança de forma sensual e envolvente com muitas joias e uma cobra que percorre seu corpo. De fato, a vilã-protagonista é muito vaidosa, excêntrica, emblemática e poderosa. Apesar de estar casada com o rei Acabe (André Bancoff), ela terá um amante.

Por fim, a macrossérie pode ser considera uma das maiores produções da TV, pois conta com mais de dez mil peças de figurinos; 600 espadas de metal, escudos, lanças; 240 estátuas de deuses de mármore; 400 peças em metal, jarras, bandejas; 700 peças em barro (vasos, canecas, lamparinas); mais de mil peças decorativas no geral; 56 cenários e 31 estúdios.

Jezabel estreia terça, 23 de abril, 20h45, na Record TV.