Na telinha desde criança, Elizângela já mostrou seu talento em papéis leves e sérios

Com diversas personagens leves no currículo, atriz foi muito elogiada pela Aurora de A Força do Querer

Publicado há 20 dias
Por Fábio Costa
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A atual exibição de uma ‘edição especial’ de A Força do Querer na TV Globo dá uma mostra a mais do talento da atriz Elizângela. Na novela de Glória Perez, ela foi muito elogiada pelo papel de Aurora, mãe de Bibi (Juliana Paes), jovem que se deixa envolver e deslumbrar pela vida em meio ao tráfico de drogas.

Com diversos momentos dramáticos, Elizângela fez ver a quem a conhece muito mais por personagens mais leves, puxadas para o cômico, a intensidade que dá ao trabalho também em figuras sérias, quando necessário. E nem foi essa a primeira vez.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nascida na cidade fluminense de Resende em 1954, Elizângela do Amaral Vergueiro iniciou-se na televisão ainda criança, na TV Excelsior carioca. Pouco depois ingressou na TV Globo, e antes de começar a fazer novelas esteve no programa Capitão Furacão, com Pietro Mário, dedicado ao público infantil.

Desde 1971 Elizângela atua em novelas, quase sempre na TV Globo. Nesses quase 50 anos ela deu três ‘escapadas’, respectivamente para as TVs Manchete, SBT e Record TV. Na primeira foi inclusive protagonista, na novela Tudo ou Nada (1986/87), de José Antonio de Souza. Todavia, foi mesmo na Globo que a atriz teve seus momentos mais lembrados.

Alguns deles ocorreram em Pecado Capital (1975/76), Locomotivas (1977), Jogo da Vida (1981/82), Roque Santeiro (1985/86), Pedra Sobre Pedra (1992), Por Amor (1997/98) e A Favorita (2008). Confira o vídeo do Vale a Pena do Observatório da TV sobre a carreira de Elizângela!

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio