Há 50 anos, Globo encerrava o sucesso Assim na Terra Como no Céu, de Dias Gomes

Novela tratou da juventude carioca da época e também de temas fortes como drogas e celibato dos padres

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Entre 20 de julho de 1970 e 23 de março de 1971, a TV Globo exibiu em seu horário das 22h a novela Assim na Terra Como no Céu, escrita por Dias Gomes. Na ocasião, essa foi a terceira novela seguida que o dramaturgo desenvolvia, depois de A Ponte dos Suspiros (1969), sob o pseudônimo Stela Calderón, e Verão Vermelho (1970).

Após novelas nas TVs Record, Tupi e Excelsior, Francisco Cuoco chegava à Globo para viver Vitor Mariano, um padre que abandona a batina para poder se casar com Nívea (Renata Sorrah, também estreando na emissora). Ele se apaixona por ela ao entrar em contato com sua família, mas Nívea é morta misteriosamente.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Junto com o mistério em torno do assassinato de Nívea, as tramas de Assim na Terra Como no Céu evoluem. Vitor acaba por se unir à melhor amiga da amada, Helô (Dina Sfat), filha do banqueiro Oliveira Ramos (Mário Lago). O ‘quarentão simpático’ Renatão (Jardel Filho) e Samuca (Paulo José) são duas figuras que desejam se dar bem sem grande esforço.

Ricardinho (Carlos Vereza), Mariozinho (Osmar Prado), Verinha (Djenane Machado) e a própria Helô são representantes da juventude ‘dourada’ daqueles tempos em Ipanema, no Rio de Janeiro, e figuras como Nelson Motta e o cronista José Carlos Oliveira, no papel de Lauro Lemos, marcaram presença.

Ainda, Assim na Terra Como no Céu marcou por apresentar um dos primeiros homossexuais da teledramaturgia de forma mais clara, apesar dos ditames da Censura: Rodolfo Augusto, o Gugu (Ary Fontoura), costureiro que fazia os trajes de Danusa Miranda (Heloísa Helena), mãe de Ricardinho, entre outras figuras.

Entre diversos suspeitos que a história revela, quem matou Nívea? Relembre ou descubra no TBT da TV desta semana sobre essa importante novela, aqui no Observatório da TV! Confira o vídeo!

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio