Estrela nos anos 1970 e 1980, ela dançava, cantava e atuava bem: relembre a linda Sandra Bréa

Filha de Paulo Gracindo em O Bem-Amado, atriz faleceu no ano 2000

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Ela nasceu em 1952, carioca da Tijuca. Sandra Bréa Brito iniciara a carreira de modelo ainda adolescente, e pouco antes da maioridade já ingressara no teatro, após ser aprovada num teste para Plaza Suite por ninguém menos do que Fernanda Montenegro. À chegada dos anos 1970, ela já havia se tornado estrela nos palcos, como atriz e vedete de Poeira de Ipanema.

Não tardou para que a beleza e as várias aptidões de artista de Sandra Bréa chegassem à televisão. Ela atuara em programas da linha de show e fizera alguns papéis pequenos em novelas como Assim na Terra Como no Céu (1970) até ganhar a primeira grande oportunidade como Telma, a filha rebelde de Odorico Paraguaçu (Paulo Gracindo) em O Bem-Amado.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Juarez (Jardel Filho) e Telma (Sandra Bréa) em O Bem-Amado (Divulgação/TV Globo)

Agora toda uma nova geração pode acompanhar o romance de Telma com o médico Juarez Leão (Jardel Filho), opositor de Odorico, que luta para promover e preservar a saúde da população de Sucupira enquanto o prefeito quer mais é que morra bastante gente e assim ele possa inaugurar o cemitério municipal, promessa maior de sua campanha vitoriosa.

No decorrer dos anos 1970 e 1980, Sandra Bréa seguira dando mostras de que não apenas era muito bonita como também atuava, dançava e cantava com maestria, em diversas novelas e programas e quadros musicais na TV. O In Memoriam do Observatório da TV relembra a estrela nesta semana. Confira o vídeo!

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio