“Foi um belo divisor de águas”, afirma Juliana Caldas sobre O Outro Lado do Paraíso

Publicidade

A atriz Juliana Caldas (30), que fez sucesso na pele de Estela em O Outro Lado do Paraíso, foi uma das convidadas do Prêmio Jovem Brasileiro 2018. Colecionando trabalhos como modelo e atriz, ela fala em entrevista ao Observatório da Televisão sobre sua relação com a internet, referências e como está sua vida 5 meses após o final do folhetim de Walcyr Carrasco.

Veja também: Formado no X-Factor da Band, grupo Ravena ganha Prêmio Jovem Brasileiro e surpreende com performance 

Paixão de adolescência 

“Eu amava e era enlouquecida pelo backstreet boys. Eu lembro que a primeira vez deles no Brasil eu tinha 12 anos e minha mãe não deixou eu ir para o show por eu ser menor de idade. Eles retornaram uma segunda vez mas o show foi no Rio de Janeiro. Em 2009 foi quando eu estava com os meus 20 anos e consegui ir no show. Foi muito louco, eu já não escutava mais as músicas deles, escutava outra coisas, também já tinha ingressado na arte, mas, como era um sonho do passado, eu acabei indo e até chorei.” 

Continua depois da publicidade

Relação com a internet 

“Hoje em dia eu confesso que eu já não acompanho tudo, é um ou outro que eu vejo algo. Mas eu admiro o pensamento dos jovens de hoje. Eu uso a internet para acompanhamento intelectual, leitura, pesquisa, música. Tem atores que começam pela internet e depois vai para a TV, como a Kéfera. Ela é uma pessoa que eu assistia e que hoje está aí, na TV.” 

Juliana Caldas, a Estela de O Outro Lado do Paraiso
Juliana Caldas, a Estela de O Outro Lado do Paraíso (Divulgação/TV Globo)

A entrada de jovens da internet na televisão 

“A união agrega valores independente se a pessoa vem da internet ou não. Agregar valores é o que importa. Existem atores que ninguém conhece e quando surgem para o grande público agrega algo. Eu não gosto de rotular, dou importância pelo que está sendo transmitido, independente de onde seja.” 

O Outro Lado do Paraíso  

“Foi um belo divisor de águas. Mas, muito pelo fato do assunto abordado. Eu acredito que quando você coloca um assunto importante que o produto vale a pena. O Walcyr é craque em assuntos que levantam discussões. A gente tem que levar informação, arte, amor e respeito para o público.  É para isso que a gente trabalha. Essa novela foi um presente, converso com parte do elenco, eu fiquei muito amiga do Sérgio Guizé, nos tratamos como irmãos.” 

Prêmio Jovem Brasileiro 

“É a única premiação que olha para os jovens e para as pessoas que estção começando. Isso é muito importante. Valorizar essas pessoas e esses assuntos.”  

Projetos futuros 

“Não tenho nada referente a próxima novela do Walcyr ou novela. Está tudo muito recente, mas eu tenho um projeto de palestra para o ano que vem, onde vou continuar levando informação. Eu gosto de trabalhar independente de ser TV, teatro ou cinema.”

Publicidade
© 2021 Observatório da TV | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade