“O MasterChef mudou a relação que o brasileiro tem com a comida”, afirma Ana Paula Padrão sobre os quatro anos do reality

Publicidade

A jornalista e apresentadora Ana Paula Padrão está radiante com a nova temporada do MasterChef, a terceira da versão com profissionais. Mais grandiosa que as temporadas anteriores e repleta de desafios muito mais intrigantes, o MasterChef promete uma disputa de alto nível, jamais vistos antes. A equipe do Observatório da Televisão conversou com Ana Paula que ressaltou a grandiosidade e importância do reality para a gastronomia brasileira. Confira:

Veja também: “Uma caixa de surpresas e decepções”, afirma Erick Jacquim sobre nova temporada do MasterChef

“São muitas pessoas nos bastidores do MasterChef. Temos normalmente trabalhando numa prova normal de estúdio, de 150 a 200 pessoas. Quando vamos para externas muito grandes, como essa temporada, passamos para 300 pessoas no bastidores. É muita gente envolvida, e é por isso que disciplina é uma coisa muito importante. É um trabalho muito coletivo”, afirma a jornalista.

Continua depois da publicidade
Ana Paula Padrão faz parte do BandNews TV Band/Divulgação

Culinária vegetariana no Masterchef

O MasterChef vai trazer um embate entre os cozinheiros: “É a primeira vez que faremos esses embates com profissionais. Vamos separá-los por habilidades: culinária italiana, regional, vegetariana, confeitaria, etc”, disse Patricio Díaz, diretor do programa. Quando perguntada sobre o crescimento da culinária vegetaria e vegana no Brasil e sobre a insersão dela no programa, Ana Paula sobre a importância em dar ao consumidor a oportunidade dele poder escolher o que ele quer.

“Ter bons produtos à disposição, dentro da linha que ele quer seguir, é sensacional. Como o MasterChef é um programa que fala de histórias, talentos e pessoas, e principalmente de comida, é importante que a gente aborde tudo o que há no Brasil. A linha vegetariana ou vegana é muito importante e fica cada vez mais importante. Então, a gente tem sim embate iniciais que tratam de diversos tipos de comida, e temos bons representantes da comida vegetariana desta vez.”

Ana Paula Padrão (Divulgação)

O Masterchef mudou o hábito dos brasileiros

“O Masterchef tem uma importância muito grande no cenário da gastronomia brasileira.  Primeiro porque realmente mudou a relação com  que o brasileiro tem com a comida. A gente evoluiu como país, o brasil deixou de ser um país pobre para ser um país classe média. As pessoas passaram a deixar de pensar na comida como uma maneira de manter-se vivos e passaram a pensar na comida como um prazer que você pode ter ou compartilhar. Isso é um ponto muito importante.

O programa inspira as pessoas a tratar a comida cada vez melhor e querer servir cada vez melhor. Pratos mais bacanas e mais sofisticados dentro do que você pode fazer, dentro da sua casa, ser criativo também. E também mudou o cenário gastronômico nacional no que diz respeito em como os profissionais dessa área são vistos e tratados.

Ser chefe de cozinha hoje é um privilégio. É uma profissão bonita e respeitada. E antigamente íamos para o restaurante e não queríamos saber quem estava na cozinha, a gente queria saber se iria chegar um prato bom na sua mesa. Hoje não. Hoje as pessoas querem saber quem está por traz daquele prato, quem criou àquilo. Hoje você valoriza o criador daquela refeição. Cada criação tem uma assinatura e você se apega com algumas delas e valoriza quem está no bastidor da cozinha.”

Evolução da gastronomia brasileira

“O Masterchef inseriu o brasil num cenário mundial importante de gastronomia. Temos comida muito boa como a regional, nossos ingredientes também. Temos ingredientes incríveis e vastas. Temos que mostrar isso para o mundo. Temos uma culinária muito importante”

Confira a chamada do MasterChef Profissionais 2018

Publicidade
© 2021 Observatório da TV | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade