Compre iPhone SE na Apple a partir de R$ 3.779,10 à vista ou em até 12 vezes. Frete grátis para todo o Brasil
Saiba mais
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
ANÁLISE

‘Indicado ao Globo de Ouro’ é o mais novo rótulo cringe em Hollywood

Os concorrentes à premiação de 2022 serão conhecidos na próxima segunda-feira (13)

Publicado em 11/12/2021
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Na próxima segunda-feira (13) a HFPA, Associação dos Correspondentes Estrangeiros de Hollywood, vai anunciar os indicados ao Globo de Ouro de 2022. Outrora prestigiada, no mundo das séries atrás apenas do Emmy, a premiação entrou em colapso após uma onda de escândalos. Atualmente, se orgulhar de uma indicação ao Globo de Ouro é um baita constrangimento.

Logo na manhã do dia 13 vai ser possível ter uma ideia sobre o quanto a premiação tem de influência em Hollywood. Em tempos passados, era comum atores e atrizes concorrentes acordarem se gabando de estarem na disputa, dando entrevistas falando da felicidade de ser lembrado pela HFPA.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Fica a questão se é bom para a imagem endossar uma associação ainda entrelaçada em um rebuliço que manchou a reputação. A credibilidade foi perdida após acusações de corrupção, evidências de suborno e comprovada falta de representatividade dentro da organização.

As denúncias jogaram luz à decisões questionáveis da premiação em indicar séries ou artistas não merecedores de um reconhecimento tão ilustre, ou até mesmo entregar o troféu de vencedor. Tudo pela suspeita de ter sido um processo comprado, à base de propina.

Com receio de qualquer influência externa no Globo de Ouro, a HFPA suspendeu uma prática comum das premiações. O padrão é uma série ou artista tomar a iniciativa de querer estar na disputa de um prêmio, oferecendo uma apresentação formal, quase como se fosse uma inscrição.

Caso optasse pelo método corriqueiro, a associação poderia ter de pagar o mico de não receber apresentações desse tipo. Em tese, os indicados irão concorrer contra a vontade própria, pode-se assim dizer.

Critics Choice na espreita

Embaixo dessa nuvem de desordem, o Globo de Ouro corre o risco de perder o seu lugar atrás do Emmy para o Critics Choice Awards. A festa da “série B” no circuito de premiações hollywoodianas está de olho em um acesso. Assim como a cerimônia da HFPA, o Critics Choice é feito por jornalistas.

Pela primeira vez, essas duas premiações vão ocorrer no mesmo dia, no próximo dia 9. Lá também será um bom termômetro para ver qual delas terá mais aceitação pela indústria hollywoodiana. Neste momento, o cenário não é favorável ao cringe Globo de Ouro.


Siga o Observatório de Séries nas redes sociais:

Facebook: ObservatorioSeries

Twitter: @obsdeseries

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....